recadosdoaarao



Autores
Voltar




09/12/2019
Arcebispo Viganó acusa Francisco
Francisco nunca confirmou ninguém. Reconhecemos com dor quão divisivo e destrutivo seu ministério tem sido.


Prezado Stilumcuriales, o arcebispo Carlo Maria Viganò escreveu um texto explicando por que ele decidiu dar sua adesão, assinando-o ao documento preparado por cem eruditos, teólogos e padres para protestar contra os recentes sacrilégios realizados durante o Sínodo pela Amazonia É um texto firme e sincero, como o caráter do escritor. Boa leitura

(Stilum Curiae) - Por vinte séculos, a Igreja Católica professou fé em Jesus Cristo, o único Salvador, que veio intacto para nós como recebido pelos apóstolos e pelos pais da igreja, pagos com seu sangue pelos mártires, testemunhados por os confessores da fé, os inumeráveis ​​santos de todos os povos e línguas, transmitidos de pais para filhos, por padres e religiosos, espalhados por missionários ardentes em todos os continentes da terra, sob a orientação dos sucessores do apóstolo Pedro, que garantiram a unidade da Noiva de Cristo, confirmando os irmãos na fé.

Há sete anos, o sucessor do Príncipe dos Apóstolos, a quem foi confiado o mandato de Cristo conferido a Pedro após sua profissão de fé: "Você é o Messias, o Filho do Deus vivo" (Mt 16, 16) - Ele abdicou de seu ministério de confirmar os irmãos na fé. O Papa Francisco nunca confirmou ninguém. Reconhecemos com dor quão divisivo e destrutivo seu ministério tem sido.

Com a Declaração de Abu Dhabi, assinada por ele, na qual ele declarou que "o pluralismo e a diversidade de religião, cor, sexo, raça e linguagem são uma expressão de uma sábia vontade divina" e com as contínuas e desviantes condenações de chamado "proselitismo", Francisco não apenas prejudicou qualquer impulso missionário, como também negou o mandato que Cristo conferiu a todos os apóstolos: "Ide, pois, e faz discípulos de todos os povos, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo; ensiná-los a guardar tudo o que eu te ordenei ”(Mt 28, 18-20).

A atual estratégia do pontífice é camuflada de enganos e mentiras, e encoberta pelo silêncio quando são descobertas suas tentativas desviantes que geram grande confusão entre os fiéis e, em vez disso, são astuciosamente elogiadas pelos inimigos da Igreja.

O Sínodo da Amazônia também faz parte de um plano oculto muito mais amplo, que nada mais é do que um elemento perturbador de um projeto ainda maior, preparado sob a égide das Nações Unidas e apoiado pelos grandes poderes financeiros e Maçônico Como você explica se o ídolo de Pachamama já está presente, por iniciativa da ONU, em textos destinados à doutrinação ideológica de crianças?

A ciência falsa é apoiada, fundada em um suposto aquecimento catastrófico da Terra, cuja principal responsabilidade seria o homem, e uma ecologia integral, que coloca no centro da criação, não o homem criado à imagem e semelhança de Deus e chamado a compartilhar o vida divina em uma eternidade abençoada com seu Criador, mas a "divindade" da Mãe Terra, a pachamama, da qual o homem surge e para o qual ele deve retornar. Portanto, Deus também gostaria da idolatria, e o Papa Francisco a celebra diante do mundo, profanando o lugar mais sagrado da Roma cristã, a basílica construída sobre a tumba do apóstolo Pedro.

Durante o último Sínodo, com a celebração inaugural que ocorreu nos Jardins do Vaticano e o aparecimento da pachamama em San Pedro e na igreja de Santa Maria em Traspontina, um ato sacrílego foi consumido. O culto ao Deus verdadeiro e vivo, revelado e manifestado em Jesus Cristo, que a Igreja Católica adora e professa, foi contaminado por elementos claramente idólatras e sincretistas.

A idolatria, ou uma simulação, representa o ataque mais sério perpetrado contra a Divina Majestade. Os mártires derramaram seu sangue e pagaram com o supremo presente da vida sua resistência à idolatria. Os mesmos mártires que banharam e consagraram a terra da antiga Roma pagã, viram sua gloriosa memória profanada pelas celebrações do Pachamama.

As Escrituras do Primeiro Testamento nos ensinam que idolatria é insolência e prostituição, profanação da Aliança nupcial que Deus contraiu com seu povo.

São Paulo, por outro lado, repreende os primeiros cristãos de Corinto: «... que ídolos são alguma coisa? Não, mas os gentios oferecem seus sacrifícios aos demônios, não a Deus; e eu não quero que você se junte aos demônios. Você não pode beber do cálice do Senhor e do cálice dos demônios ... Ou vamos provocar o ciúme do Senhor? Somos mais fortes que ele? ”(1 Cor 10, 19-22)

A Igreja Católica, em vez de vigiar e denunciar as ameaças que a perseguem e obscurecem o horizonte de toda a família humana, presta-se a ser uma caixa de ressonância de uma ideologia utópica e anti-ritual, mostrando uma terrível submissão aos fortes poderes que dominam o cenário mundial, ativo na promoção de amplos processos cujo objetivo é o estabelecimento de um governo mundial.

Diante de tal cenário, em que a sobrevivência da própria Igreja Católica está ameaçada, diante de tantas ações e declarações repreensíveis do pontífice, cem eruditos elaboraram uma Declaração na qual «respeitosamente pede ao Papa Francisco que se arrependa publicamente e sem ambiguidade desses ultrajes, e oferecer reparação por eles ». Eu considerei obrigatório juntar a sua voz. Da mesma forma, todos os bispos e cardeais da Igreja Católica devem se sentir obrigados a "dirigir uma correção fraterna ao papa Francisco por esses escândalos".

«Oh Deus, que na graça da adoração você nos chamou para sermos filhos da luz, não sejamos envolvidos pelas trevas do erro; permaneçamos sempre na sua verdade, para iluminar a noite do mundo ». (Da liturgia ambrosiana de alguns dias atrás)

Venha, Senhor Jesus! Mostre sua realeza soberana em sua igreja e no mundo! Não rejeite a imploração de sua esposa e não a decepcione. E quando você não nos conceder o que pedimos, esperemos por isso com perseverança fiel e amor penitente.

+ Carlo Maria Viganò

Arciv. tit di Ulpiana

Núncio Apostólico

Publicado por Marco Tosatti em seu blog Stilum Curiae.

Traduzido por Verbum Caro para InfoVaticana

 


Artigo Visto: 753

ATENÇÃO! Todos os artigos deste site são de livre cópia e divulgação desde que sempre sejam citados a fonte www.recadosdoaarao.com.br


Total Visitas Únicas: 3.703.425
Visitas Únicas Hoje: 73
Usuários Online: 56