Sejam Bem Vindos! Que Deus vos abençoe!

Página dedicada aos que amam as almas do Purgatório.
FAMÍLIA, FUNDAMENTO DA SALVAÇÃO
Documento sem título



 
 
01/10/2019
Francisco é a causa do aquecimento global
Há uma gnose que visa modificar as leis da Criação e anular o poder do Deus Criador.
 

Francisco é a causa do aquecimento global

28 de setembro de 2019

https://www.lifesitenews.com/opinion/former-vatican-bank-head-the-real-fire-we-need-to-worry-about-is-the-one-burning-the-faith

Ex-chefe do Banco do Vaticano: o fogo real é aquele que destrói a fé...

Nota do editor: Abaixo publicamos um artigo do economista italiano e ex-diretor do Banco do Vaticano, Ettore Gotti Tedeschi, antes da iniciativa pública de oração de 5 de outubro, que é comemorada perto da Basílica de São Pedro em Roma, para ore pela Igreja diante do Sínodo da Amazônia.

"Estou encantado com a iniciativa pública de oração pela Igreja, que ocorrerá em 5 de outubro em Roma (às 14h30, no Largo Juan XXIII, perto da Praça de São Pedro). De uma maneira ou de outra, como Não posso estar lá fisicamente, estarei com eles espiritualmente por algo que considero importante: mostrar, com grande paresia, que existem homens e mulheres que ainda se preocupam muito com a salvação e as coisas sagradas, e estão preocupados com a possibilidade de serem levados embora.

Como esgotaram todas as tentativas de encontrar ouvidos humanos dispostos a ouvi-los, decidiram obter uma audiência diretamente do Fundador, Diretor e Professor, confiantes (mesmo que não houvesse gravador) de Sua promessa: "Onde dois ou três estão reunidos em meu nome, Eu estou no meio deles”(Mt 18:20).

À oração comum pela salvação da Igreja e das almas, tenho certeza de que muitas orações específicas serão unidas. Minha oração visa preservar a Igreja de uma ameaça antiga que nunca foi mitigada e revivida hoje como nunca antes, de uma maneira quase triunfante: a gnose. É a tentação de conseguir alcançar um conhecimento que elimina a natureza da criação e faz da criatura o criador; um criador mais visionário e misericordioso do que o criador do Gênesis divino, a quem ele procura substituir por uma gênese gnóstica.

Essa gênese gnóstica deseja anular completamente a vontade do Criador e modificar todas as leis naturais da Criação. Hoje, essas leis estabelecidas pelo Criador parecem ser consideradas por muitos na Igreja como muito rígidas e impiedosas. É por isso que alguns, que começaram a superá-los na prática, agora se comprometeram a separá-los oficialmente e, a menos que o Céu intervenha, parece que seus esforços estão destinados a ter sucesso.

O uso instrumental de problemas ambientais (que não foram adequadamente abordados em pesquisas científicas sobre suas causas, mas apenas sobre os efeitos) parece ter como objetivo expulsar o homem do pedestal no qual Deus o colocou, para baixá-lo ao nível de ameaça para o nosso "lar comum", fazendo com que pareça um "câncer da natureza". O risco dessa gnose humanitária é a chegada de uma nova fórmula de fé: "Eu acredito no homem, o criador do céu e da terra, mesmo que eu acredite que ele não saiba como cuidar dela e que, portanto, é necessário impor novos mandamentos...”

"Mas essa é a obra-prima do grande" aposentado "(demônio), aquele cavalheiro que, tendo caído das estrelas do céu para os estábulos do submundo, hoje tem tantos colaboradores diligentes que ele não sabe mais o que fazer no pátio infernal dos quais, em seu tédio, ele se ausenta cada vez mais. É assim que existem aqueles que, trabalhando com grande zelo nessa tarefa, o consideram (para o diabo) nada mais que um símbolo”.

Portanto, em 5 de outubro, farei uma oração ecológica. Vou rezar para extinguir o fogo na Igreja que está destruindo o pulmão que encoraja o mundo, isto é, a fé. E, é claro, orarei para que o aquecimento global, graças à retomada da fé, seja reduzido como consequência. E tenho certeza de que isso acontecerá porque o aquecimento global verdadeiramente perigoso é devido ao número alto e exponencial de tantas criaturas que acabam queimando no inferno, aumentando assim as temperaturas da Terra, graças ao fato de que a doutrina não existe mais, pois Não é ensinado, mas algo diferente.

+++++++

OBS > Devagar, lentamente, sem fazer estardalhaço, a besta mundi conseguiu municiar grande parte da humanidade atual, com todos os apetrechos dos futuros escravos do anticristo: Cangalha ou arreios, cabresto com freio e esporas, falta apenas mostrar e aplicar o chicote, porque ele já monta os povos, em sua imensa maioria.

Cangalha ou arreioEsta cangalha é posta nas costas dos animais de montaria presa e apertada no ventre o que significa escravidão e tirania. O peso das leis contra Deus, que são impostas aos povos como elementos de modernidade, num mundo em evolução, que para a fera e seus sequazes, não pode permanecer nos tempos da “obscuridade” e precisa uma mudança radical de paradigmas. Isso quando tais elementos levam exatamente para o reino do dragão e da obscuridade. 

Cabresto com freio? São dois elementos com que se conduzem os burros e os cavalos. O cabresto serve para puxar a alimária na direção que alguém deseja. O freio, além de um ferro bucal curvado que permite ao condutor fazer os rocinantes pararem, tem ainda um tapa de couro ao lado dos olhos, para que o zurrador ou relinchador olhem só para onde o dono deseja, quer dizer, para os caminhos do mundo, do pecado e do mal. Da ruína eterna de suas almas!

Esporas? São rodelas serrilhadas que os montadores usam no tacão das botas, que provocam muita dor, com os quais eles fustigam os pobres diabos, presos, atados, cingidos, guiados, o que vale dizer, fazem andar na “marra”, como verdadeiros soldados do inferno, a todos aqueles que se deixam fantasiar com estas mentiras dos inimigos de Deus e algozes das nossas almas. Eles já não percebem que são coagidos e induzidos a seguir pelos descaminhos longe de Deus como se exaltam em iras se alertados. Ou seja, como diz a Escritura: são capazes de matar achando que assim cumprem uma ordem de Deus.

Tudo isso é causa da perda da fé em Deus, que leva ao ponto abissal de considerar o poder humano como superior ao Divino, ao Eterno, ao Onipotente, ao domina tudo até o Infinito, exatamente conforme pleiteiam os demolidores da Igreja, das famílias, e, portanto, da raça humana ao dizerem que “o homem que faz um Deus é ele mesmo um deus”. Ao defenderem a falha e canhestra razão humana como geradora, criadora e mantenedora da criação, chegam agora ao cume do descalabro de lançar seu último e desatinado desafio contra o Altíssimo: Não precisamos mais de Deus!

Quais são as grandes lanças que demonstram a já quase total servidão da humanidade atual aos desatinos e desejos monstruosos da grande fera apocalíptica que monta a maioria das pessoas? Em primeiro lugar a mudança de tática do monstro comunismo & socialismo, que diante do estrondoso fracasso econômico de todas as administrações de países que estes regimes comandaram, se agarraram agora na farsa monumental do “aquecimento global” da “proteção da natureza”, dos “animais em extinção” – tudo coisas que o homem só pode estragar, jamais proteger e preservar – induzindo às pessoas ao extremo absurdo de acharem que, “para o bem da raça humana é preciso que o homem deixe este planeta”. Ou na Igreja, que precisemos agora seguir os "espíritos ancestrais" e receber passes de feiticeiros.  

Esta proposta do diabo de preservação do “lar comum” com a insistente, agressiva e impositiva ação da mídia global a serviço do inferno, é como o clímax de um diabólico projeto que visa mostrar ao mundo que precisamos operar reformas radicais, que preparem o ser humano para um novo “deus de todas as religiões”, o batráquio asqueroso e chifrudo da nova era, que logo chega, para ser mais justo, mais poderoso, mais preocupado com a vida humana, e mais misericordioso do que o Deus que prega o Apocalipse e a destruição deste império do mal. É como se dissessem: Javé disse que vai destruir este planeta, mas nós vamos preservá-lo. Vai por aí a "preservação do patrimônio histórico".

Chicote > Está chegando rapidinho, e vai ser apresentado em vai bater, para amansar os mais renitentes, acabar com qualquer tipo de rebelião, e promover uma falsa paz sem Cristo e uma pretensa “salvação” que vem do diabo, o que levará o mundo ao derradeiro e o mais monstruoso caos, algo como jamais houve desde que na terra existe o ser humano, cujas asas já se espraiam como sombras sobre esta pobre humanidade caída. Quando uma menina atual já não consegue se achar normal sem ter um cachorro no colo ou na coleira e quando um fiscal do Ibama alega que tal formiga de pau está em extinção e morte a quem destrói seu ninho, já se pode ver como funciona esta coisa de cangalha, freio, cabresto, esporas e chicote.

No mais é saber que estes elementos já estão postos na imensa maioria dos “católicos”, cuja fé não vai além de um bocado de pão com margarina, ao cancerígeno copo de refrigerante, entre as gargalhadas dos espíritos infernais que nos consideram como “sacos de esterco”. E é isso que têm no cérebro quem se deixa manipular de forma tão absurda, que não consegue mais se desvencilhar destes apetrechos escravizantes. Sem Cristo, dá nisso! E foi Ele quem disse que traria fogo ao mundo. O fogo da fé! Se este se apagar, também se apaga a raça humana: O sínodo da Amazônia pode estar sendo posto, exatamente para levar a isso. E gog e seu grupo são seus maiores arautos! (Aarão)

 

 

 

 
 
 

Artigo Visto: 547 - Impresso: 5 - Enviado: 1

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.recadosdoaarao.com.br

 

 
Visitas Únicas Hoje: 142 - Total Visitas Únicas: 3.554.782 Usuários online: 74