Sejam Bem Vindos! Que Deus vos abençoe!

Página dedicada aos que amam as almas do Purgatório.
FAMÍLIA, FUNDAMENTO DA SALVAÇÃO
Documento sem título




 
 
23/08/2016
Abrindo sua casa ao inimigo
Podemos revelar qualquer informação a seu respeito ou dos seus filhos…”
 

Pokemon-Go: simples jogo ou N.O.M.?

Ao instalar o jogo você concorda com os termos do mesmo. E não é coisa pouca. A Niantic adverte-o oficial­mente: “Nós cooperamos com agências do governo e companhias privadas. Podemos revelar qualquer informação a seu respeito ou dos seus filhos…”. Mas quem é que lê isso?

Pk

Caros amigos,

Todos temos ouvido falar deste jogo que arrasa no mundo tudo. Jogo é coisa de crianças, dizem, mas vemos muitos adultos voltar para a idade infantil caçando «monstros de bolso», cujos nomes não são nada inocentes: o mais famoso deles tem por nome «Pikachu», ou seja «muera Deus». Mas além disso, é mais um instrumento do mundialismo para coletar informação sobre todos e tudo. Obviamente um católico não joga «Pokemon-Go».

Com a bênção, Pe. Samuel BON. cs

Pode falar-me do “Pokemon Go”?

Programador do jogo: Niantic Labs. É uma start-up da Google. A Niantic foi fundada por John Hanke, o qual fundou a Keyhole, Inc. um projeto de mapeamento de superfícies cujos direitos foram comprados pela mesma Google e utilizados para criar o Google-Maps, o Google-Earth e o Goo­gle Streets. E agora, atenção, observe as mãos! A Keyhole, Inc. foi patrocinada por uma empresa de capital de risco chamada In-Q-Tel, que é uma fundação oficialmente da CIA estabelecida em 1999.

As aplicações mencionadas acima resolvem desafios importantes: Atualização do mapeamento da superfície do planeta, incluindo estradas, bases [militares] e agora até o seu lar, ou qualquer sítio. Uma vez descarregada a aplicação e dadas as permissões adequadas (para ter acesso a câmara, microfone, giroscópio, GPS, dispositivos conectados, incluindo USB, etc) o seu telefone vibra de imediato, in­formando acerca da presença dos três primeiros pokemons! (Os três primeiros aparecem sempre de imediato e nas pro­ximidades).

O jogo exige que você dispare para todos os lados, atribuindo-lhe prêmios pelo êxito e ao mesmo tempo obtendo uma foto da sala onde está localizado, incluindo as coordenadas e o ângulo do telefone. Parabéns! Acaba de registar imagens do seu apartamento!

A propósito: ao instalar o jogo você concorda com os termos do mesmo. E não é coisa pouca. A Niantic adverte-o oficial­mente:

“Nós cooperamos com agências do governo e companhias privadas. Podemos revelar qualquer informação a seu respeito ou dos seus filhos…”.

Mas quem é que lê isso?

E há o parágrafo 6:

“Nosso programa não permite a opção “Do not track” (“Não me espie”) do seu navegador”.

Por outras palavras — eles o espiam e o espiarão.

Mas, outras oportunidades divertidas se apresentam. Por exemplo: se alguém quiser saber o que está a ser feito no edifício, digamos, do Parlamento? Telefones de dúzias de deputados, pessoal da limpeza, jornalistas vibram: “Pikachu está próximo!!!” E cidadãos felizes agarrarão seus smartphones, ativarão câmaras, microfones, GPS, giroscópios… circulando no lugar, fitando o écran e enviando o vídeo através de ondas online…

Então, ainda pretende instalar Pokemon-Go no seu telemóvel?

Publicado originalmente: O Farol, Boletim Bimensal do Priorado São Pio X – Lisboa.

+++++++++++++

OBS> Impressionante como alguns entendem enquanto outros mais se enfiam cabrestos e rédeas e as colocam nas mãos dos condutores do mundo. Pokemon-go é certamente um dos últimos dispositivos que falatavam para você se deixar montar e esporear pela grande fera, porque quem usa tal desgraça já está devidamente ensilhado. Não resta muito para que ele se torne um escravo da fera, aceitando em sua mão direita a na testa, a marca de satanás. Veja acima o desenho da pirâmide, e entenderá quem está por trás disso.

Para mim, no exato momento em que li esta palavra, percebi a presença dos programadores de satanás. Percebam que eles vão controlando tudo. Hoje à tarde eu precisava de um edereço de uma pessoa, que mora numa grande cidade. Mas eu tinha o nome do prédio e da cidade. Pronto, foi botar o google earth para funcionar e ele me levou direito ao endereço. Mas faltava o número da apartamento da pessoa e este eu ainda não consegui...

Mas percebam pelas explicações acima. O google já sabe dos endereços da imensa maioria das pessoas, já tem os números de telefones fixos, entretanto não tem ainda os dados da INIMIDADE dos lares, do interior deles. Assim, por este pokemon, eles estão conseguindo entrar dentro dos lares, e descobrindo os CELULARES, algo que eles ainda não controlavam. Percebam que os SMS enviados pelas grandes corporações, já partem de bases de dados que eles estão catalogando. Aliás, quando voce instalou o programinha em seu celular, ele já remeteu os dados para a base da besta.

Portanto, as pessoas estão sendo aos poucos escravisadas e agora começam a ter seus lares devassados, de modo que eles saberão de comportamentos, tendências, desejos, usos, costumes e até inimidades dos lares, formando assim um dossiê completo de cada cidadão. Então eu pergunto: quer ser escravo da besta? Use estes dispositivos! Quer ser livre deles? Use no máximo celulares bem vulgares, que mal recebem e enviam contatos. Porque, quanto mais o aparelho móvel é modermo, mais ele é caminho de levar para o inferno.

Mas cada um é livre!... Até para se deixar colocar uma focinheira no nariz, para que o diabo o leve para onde ele quer. Afinal, não são somente as modas escanadlosas de algumas mulheres que levam para os braços do inimigo. De fato, a cada poucos dias um novo artifício é inventado... Para cabrestear os abestalhados!... E as imodestas! (Aarão)

 
 
 

Artigo Visto: 1242 - Impresso: 24 - Enviado: 24

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.recadosdoaarao.com.br

 

 
Visitas Únicas Hoje: 528 - Total Visitas Únicas: 2.992.146 Usuários online: 54