Sejam Bem Vindos! Que Deus vos abençoe!

Página dedicada aos que amam as almas do Purgatório.
FAMÍLIA, FUNDAMENTO DA SALVAÇÃO
Documento sem título




 
 
16/07/2014
Orientais se convertem
 
16/7/2014 17:09:01

Conversões - Orientais se convertem

       ORIENTAIS SE CONVERTEM
      Onda de conversões de adultos no Vietnã
      No Vietnã, o vazio gerado pelo ateísmo comunista produz efeitos análogos aos verificados na China, atraindo muitas almas para a Igreja Católica
      Em Ho Chi Minh City, antiga Saigon, a maior cidade do país, 680 mil de 9 milhões de habitantes são católicos e seu número cresce assustadoramente para o regime socialista. A conversão de Tô Hai, “prócer” do comunismo vietnamita e célebre compositor nacional, causou sensação recentemente.
      Há na diocese 670 sacerdotes, mais de 5.000 religiosos e religiosas, mais de 7.000 catequistas e todo ano mais de 6.000 adultos pedem o batismo, segundo noticiou o site “Religión en Libertad”.
      Em 2012, por exemplo, foram batizados 6.736 adultos, provenientes do ateísmo, do budismo ou do culto aos antepassados. O número anual de batismos de bebês é o triplo.
      Para efeitos de comparação, em dioceses grandes como Los Angeles e New York, a Igreja Católica batiza anualmente entre 1.300 e 1.600 adultos.
      As dioceses católicas no Vietnã (7 milhões de fiéis para um total de 90 milhões de habitantes) não concedem dispensas para celebrar matrimônios de católicos com não católicos.
      Há conversões insinceras em número minoritário. Porém, a fé sincera de um dos cônjuges tende a tocar o coração do outro.
      Por exemplo, Teresa Nguyen Thuy Kieu abandonou o budismo em 2005 porque admirava a firmeza católica de seu noivo.
      Hoje ela é uma militante da Legião de Maria que ensina o catecismo duas tardes por semana, acompanha adultos em processo de conversão e tenta ir à missa todos os dias, embora tenha que manter sua loja e dois filhos pequenos.
      Teresa já teve seu “batismo de sangue” com os médicos socialistas do governo que rotineiramente tentam fazer as grávidas abortarem. No caso de seu segundo bebê, o médico lhe anunciou que ele nasceria com deficiência e tentou que ela o abortasse.
      Sendo agora católica e sabendo que abortar é assassinar uma criança, recusou a tentação e confiou o caso a Deus e à oração. A criança nasceu prematuramente, mas hoje, com quase um ano, está forte e cheia de saúde.
      O exemplo de Teresa Kieu de tal modo impressionou sua família, que sua mãe, sua cunhada e seus 11 sobrinhos pediram o batismo.
      O socialismo olha para os católicos com menosprezo, desdém e desconfiança, mas essa oposição dos sem-Deus não consegue conter a onda de conversões suscitadas pela graça divina.
      Fonte: Blog Luzes da Esperança
      +++++++++++++++++++++++++
      Outra Notícia.
      O “cometa cristão” está ficando grande e incontrolável na China - 24 de maio de 20141 comentário
       por > Luis Dufaur
      Autoridades do Partido Comunista da província oriental de Zhejiang negaram que estivesse em curso uma “campanha de demolição” de igrejas no país.
      Porém, simultaneamente, testemunhas denunciaram que cerca de doze já haviam sido demolidas ou perdido suas cruzes
      Em outras igrejas, os responsáveis receberam intimação para tornarem “menos conspícua” a presença dos templos, por exemplo desligando as luzes durante a noite.
      O fato é que os responsáveis religiosos acusam os líderes comunistas dessa rica província de “grave interferência” nos assuntos da Igreja, agindo de acordo com uma campanha orquestrada.
      No in
ício de abril, cristãos afluíram em massa à igreja de Sanjiang, no importante porto de Wenzhou, cidade também conhecida como a “Jerusalém do Oriente”, porque tinha sido anunciada sua demolição, noticiou “The Telegraph” de Londres.
      Durante as 24 horas do dia, um imenso “escudo humano” fechou o acesso ao templo que ia ser posto abaixo. O paroquiano Li Jingliu declarou: “Eu defenderia a igreja até o fim dos fins, sem temer feridas ou morte”.
      “Eles dizem que a Santa Cruz sobe muito alto e viola o código de construção. Claramente é um pretexto para pôr abaixo as igrejas”, explicou um sacerdote de Wenzhou.
      Vendo o tamanho da reação, as autoridades desmentiram o anúncio da destruição.
      Feng Zhili, presidente do Comitê comunista para Assuntos Religiosos e Étnicos de Zhejiang, apontou o crescimento do cristianismo na região como culpado de “atritos sociais”, obviamente não explicados.
      Porém, ele acabou desabafando: o crescimento do cristianismo está ficando “demasiadamente excessivo e incontrolável”.
      Em Wenzhou, um milhão dos nove milhões de residentes professam alguma forma de cristianismo repudiada pelo comunismo.
      Quem e quantos são esses cristãos tão temidos pela maior ditadura da Terra?
      A estrutura do cristianismo chinês pode ser comparada à de um cometa. O cerne duro é composto pelos católicos que resistem ao comunismo e se mantêm fiéis a Roma, contra todas as vicissitudes em contrário.
      Também são chamados de católicos “subterrâneos”, pois não são reconhecidos oficialmente. Eles somam vários milhões.
      Colados neles estão os católicos “patrióticos”, isto é, católicos moles que preferem claudicar na fé por oportunismo. Eles se submetem a uma entidade espúria denominada Associação Patriótica, criada pelo comunismo para jugular todo o catolicismo.
      Um número muito significativo frequenta, ora os cultos dos “subterrâneos”, ora os dos “patrióticos”.
      Não há e não pode haver estatísticas oficiais. Mas se fala habitualmente entre seis e 14 milhões de católicos, embora o número possa ser maior.
      Na cauda do catolicismo há um grande número de protestantes que entram em fácil composição com o comunismo, não apresentando em geral maiores resistências à ditadura, que não os teme como aos católicos.
      Formando uma cauda ainda maior e menos consistente estão os cristãos ditos “sincréticos”. Seus pregadores leem o Evangelho nas casas e fazem misturas com outras crenças, a gosto do consumidor. São, em geral, os que menos preocupação causam aos inimigos de Jesus Cristo.
      Mas acontece que esse cometa de densidades diversas – desde o centro católico autêntico, aquecido pelo Espírito Santo, até a cauda mais frouxa – já soma mais de 85 milhões de aderentes, quiçá cem milhões.
      E isto num momento em que, segundo a ortodoxia oficial, os mitos religiosos deveriam estar completamente desenraizados do povo!
      E como o centro vivo e ponto de referência é o catolicismo genuíno, pode-se perceber a influencia desse núcleo sobre a vaporosa cauda.
      O crescimento do “cometa cristão” enlouquece as autoridades comunistas que, não conseguindo convencer os cristãos à apostasia, hostilizam suas igrejas e práticas com discutível sucesso.
      As estimativas apontam que cada dia entre 3.000 e 10.000 chineses aderem ao “cometa cristão”, segundo o site britânico Christian Today.
      O novo presidente Xi Jinping faz apelos constantes no sentido de voltar ao entusiasmo do comunismo ortodoxo de Mao Tsé-Tung, mas n
ão foi muito ouvido nem mesmo nas fileiras do Partido Comunista.
      Mais recentemente, ocorreu-lhe chamar os chineses para o velho paganismo que Mao também tentou erradicar. Ele disse que a China “está perdendo seu compasso moral” e propôs um retorno às “crenças tradicionais” pagãs como o budismo, o confucionismo e o taoísmo, que “poderiam ajudar a preencher o vazio que permitiu a floração da corrupção”.
      A agência Reuters reproduziu esses propósitos do líder comunista citando fontes próximas à chefatura suprema do país, escreveu “The Telegraph”.
      O “cometa cristão” não deixa de crescer e atrapalhar os promotores do ateísmo, explícito ou dissimulado.
      ++++++++++
      OBS > Boas notícias como estas, não podem passar batidas, sem que meditemos sobre elas. Também na África floresce o catolicismo, e sem enchem de vocação os seminários. E existem alguns pontos muito fortes:
      1 - Estas conversões são uma prova segura de que estamos no final dos tempos, porque é Deus resgatando os seus filhos!...
      2 - Estes cristãos valentes, enfrentando o governo ateu e a polícia cruel, na realidade são uma barreira para nós, cristão fracos e mornos, que não correspondemos ao chamado do Deus e somos covardes quanto ao martírio!
      3 - Eles são uma prova viva de que a conversão pode acontecer entre os pagãos, e já teria acontecido em massa, se nossas orações e sacrifícios acontecessem na devia conta da necessidade, sempre fizemos pouco, quem sabe nada.
      4 - Aqui se prova, também, que o sangue da casa de Jacó também está permeado entre os orientais, porque como já citamos no livro A Saga das Almas, somente o sangue desta casa habitará na nova terra.
      5 - Estes cristãos nos provam que o comunismo ateu, pagão e mesmo diabólico, morrerá engolfado no próprio sangue, e sobre ele a fé dos cristão cantará a vitória. A "cabeça ferida de morte" pode ter ressuscitado, mas terá um fim em breve!

 




 
 
 

Artigo Visto: 1500 - Impresso: 25 - Enviado: 9

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.recadosdoaarao.com.br

 

 
Visitas Únicas Hoje: 108 - Total Visitas Únicas: 3.162.812 Usuários online: 40