Sejam Bem Vindos! Que Deus vos abençoe!

Página dedicada aos que amam as almas do Purgatório.
FAMÍLIA, FUNDAMENTO DA SALVAÇÃO
Documento sem título




 
 
07/03/2006
Linhas do tempo
 
Apocalipse - 09 Linhas do tempo
Apocalipse - 09 Linhas do tempo

2060306 LINHAS DO TEMPO
 
     Continuam as “reclamações” de nossos queridos leitores, quanto a fato de havermos escrito pouco nos últimos dias, pois procuram no “site”, e não acham nada de novo. São, de fato, não reclamações, mas a expressão de um sentimento de unidade, algo que nos faz cúmplices na luta deste tempo final. Os leitores amigos, ávidos por novidades, querem continuar compartilhando a idéia comum, sobre os eventos finais deste mundo que se esvai, porque há no ar um cheiro de urgência, de iminência, o qual não sabem discernir.
 
     Por motivos que somente o Espírito de Deus sabe explicar, subitamente me dei conta de que não gosto mais de escutar os jornais da TV – nem preciso – nem sequer consultar o site Terra em busca dos fatos que acontecem no mundo. E parei mesmo! Percebi que perco tempo lendo o Terra, o jornal, quando vi que a única notícia que ali me interessava eram os nomes dos falecidos em acidentes e crimes, os quais rapidamente eu anotava no Livro da Luz. O resto não mais me interessava. Por quê isso?
 
     Também do Jornal Nacional, e outras reportagens ganhei ojeriza plena, de modos que somente ouvir a voz da Anenberg – está justamente falando agora – me causa arrepios. Acho mesmo, que esta locutora da TV Globo, sintetiza, na voz, na postura, na falsa euforia, o real desejo do maligno, de desviar a atenção dos filhos de Deus, do real sentido da vida, da essência da verdade. A face dela, então, tenta expressar otimismo e euforia – mas fingida – mal sabendo que, tudo o que ela fala, é para afundar ainda mais, e sempre mais aos homens no esterco, poluindo mentes, destruindo almas.
 
     Qual o filho de Deus que suporta ainda, neste Brasil de podridão, ouvir falar no presidente Lula, sem sentir uma certa repugnância? Quem suporta ouvir ainda sobre esta infindável e monstruosa cadeia de escândalos governamentais, em todos os escalões, sem sentir-se impotente, sem sentir náusea, até mesmo quando uma certa revolta o toma por inteiro, pois difícil de conter? Roubos, corrupção, violência, crimes, mortes, assaltos, jogatina desenfreada, carnaval escandaloso, 25 milhões de camisinhas, a coisa está ficando tão abominável, que até mesmo – pasmem – o simples ato de assistir a uma partida de futebol pela TV, me está fazendo mal. Pois até ali existe corrupção, velhacaria, racismo, suborno, dinheiro demais, soberba... demonismo puro.
 
     Para me incitar ainda mais a desligar-me de uma vez por todas, dos noticiários deste mundo cão, hoje de manhã li que certo general brasileiro, deste governo de barbaridades, com sua ilustríssima madame esposa, fez voltar um avião que aquecia as turbinas para decolar, apenas para que ele fosse recebido a bordo. Não só isso, estando completamente lotado, e tendo vendido 15 passagens aéreas a mais – overboking – a companhia aérea foi abrigada a tirar um casal de dentro do avião, obrigá-lo para outro vôo, para que os dois traseiros reais tivessem assento em seu lugar de deuses. Repugnante mordomia!
 
     Resultado, que o amigo leitor faça um teste e veja se é preciso mesmo ficar em frente a um televisor ouvindo aquilo que a besta quer que você veja, ou quer que você ouça, e as suas malditas novelas, para que depois você faça exatamente o que ela quer? O que eu quero dizer, é que a realidade verdadeira deste mundo, não é aquela que nos é mostrada por satanás – o príncipe daqui – mas aquela que está nas Escrituras Sagradas. Digo em verdade, se eu quiser saber do que vai acontecer no futuro – o que interessa também ao leitor – não preciso mais que me manter atento aos sinais de Deus. Vejam esta frase:    
 
     O caminho que leva a Deus está cheio de regozijo, sobretudo para os que pensam na meta final da viagem. Mediante uma vida de oração, podem progredir na purificação de sua alma, e disso poderão ter, em certas ocasiões, momentos de júbilo extr
aordinário
. (Jean de La Lumiére – Logo poderão ler seu livro). E realmente, quanto mais me imbuo deste desejo de purificação, por uma força que não consigo explicar, mais me inunda a alegria, pois sei que estamos chegando ao final da grande viagem. Falta muito pouco.
 
     O que vou falar daqui por diante, neste texto, é por hora “segredo” entre nós, apenas levanto alguns véus do futuro. Sei que vou deixar os leitores curiosos, mas por hora não posso ir mais adiante, do que já me foi dado conhecer. Na realidade isso parece um contra-senso, falar em segredo e ao mesmo tempo revela-lo. Mas eu explico: este véu do futuro, é para mim também ainda desconhecido – porque hoje sequer sei no que vai dar – apenas que, a partir do momento em que me desliguei desta realidade mundana atual, se me abriu na frente um amplo e fascinante campo de visão, para a verdadeira realidade, a que passa além das fronteiras do nosso tempo, e de nosso pobre mundo.
 
     O leitor entendeu? Certamente não! Como falei no início, muitos me pressionam por novidades, e já falei que a novidade maior é que Deus continua Se manifestando todos os dias a Seus filhos, e por Jesus, Maria, pelos santos, anjos e almas do Purgatório tem trazido mensagens diárias de alerta sobre este tempo. Deus não Se repete, então esta é a maior novidade: as mensagens dos verdadeiros e bons profetas! Basta então, observar bem o que já foi dito por eles, continuar acompanhando as mensagens, e assim se terá uma idéia – ainda que vaga – do futuro. Sim, e novidade são as Escrituras!
 
     Mas, que tal, ir além disso, não olhando nem para o mundo, nem para as mensagens atuais, e chegar mesmo assim a conclusões assombrosas sobre uma realidade palpitante e fascinante, que ultrapassa o entendimento dos mortais? Seria possível isto? Onde se encontra a chave capaz de ler as linhas do tempo, perscrutar as datas e o futuro, se é que ela existe, e se acaso foi destinado aos simples mortais conhece-la? É possível que Deus Onisciente tenha deixado pistas seguras, que poderão matematicamente calcular as datas dos acontecimentos futuros? Sim, é possível! E é só isso que vou dizer por hoje!
 
     Uma das coisas que mais tenho afirmado, é que nós homens somos como toupeiras, cegos, e absolutamente dependentes dos cinco sentidos para guiar e arrastar este corpo pesado, por este vale de lágrimas. Disse um dia Openheimer, um dos pais da bomba atômica, que se o homem, ao invés de se guiar pelos sentidos externos, se guiasse pelas luzes do espírito, não somente já teria chegado a lua, mas certamente já teria ido além da nossa constelação, tal a diferença abissal, que existe entre ambos.
 
     No livro “A comunhão dos Santos” que divulgaremos a seguir, por diversas vezes é dito que esta realidade que nós vemos, que experimentamos, ouvimos, tocamos e cheiramos é apenas uma singela fantasia. A verdadeira realidade é aquela que está no Além, no campo dos espíritos, e que suplanta em muito aquela primeira. Mas nós temos a tendência, em nosso racional, de achar que tudo aquilo que não pode ser cientificamente explicado, não deve ser aceito, o que é um erro grave. Isso significaria morte da fé, a morte de Deus.
 
     Mas onde está a chave então? A chave está nas Sagradas Escrituras, onde mais poderia estar? Na realidade – quando falamos em ciências – devemos saber que dentre todas elas, a única perfeitamente exata é a matemática. Eu não sou matemático e bem pouco entendo de números, até porque, desde cedo aprendi a desgostar da matemática moderna, que realmente não serve para as pessoas comuns. Disse: pessoas comuns! Porque, na realidade, existem pessoas incomuns, para quem os números são como uma brincadeira de crianças, tal que, jogam com eles na maior facilidade.
 
     Ora, Deus, o único Criador de todas as coisas, não poderia ter criado nada neste Universo, que não fosse assentado também, sobre a mais exata de todas as ciências. De fato, Deus criou o mundo sobre bases matemáticas, mili
metricamente perfeitas e exatas, de tal modo que é possível reescrever o passado, descrever o presente, a prever o futuro, usando apenas as bases matemáticas, já definidas pelo perfeito e Onisciente Criador.
 
     Falta apenas a fórmula. Sim, as equações e proposições matemáticas, necessitam de uma fórmula perfeita, de modo que, tendo esta fórmula, se pode achar o resultado com precisão absoluta. Eu diria que, nem um homem em mil, tem esta facilidade extrema das fórmulas. Eu diria mais, nem um homem, em um milhão, tem conhecimento suficiente para entender os princípios matemáticos que regem o Universo. Ouso ir além, nem um homem em um bilhão deles, consegue entender a matemática da humildade, aquela que une sua Sabedoria diminuta à Onisciência do Criador, para produzir o cálculo do futuro.
 
     Penso que agora compliquei a cabeça dos amigos! Não? Então vamos adiante. Eu falei acima que é possível prever o futuro, com matemática precisão de datas. E falei que é nas Sagradas Escrituras, que se deve buscar este conhecimento. Mas a primeira pergunta que se faz é a seguinte: se na Bíblia tem somente letras e tão poucos números, onde a possibilidade de se prever o futuro, além de seguir os indicadores de tempos, e observar os sinais ali deixados por Deus? Bem, eu não disse que ali estava a solução: disse apenas que naqueles poucos números, estão as fórmulas! Mas quem as pode montar?
 
     Os amigos já devem ter ouvido falar nos tais Códigos da Bíblia, certo? Pois um certo rabino judeu, que é também matemático, teve a feliz idéia de tomar as 384.405 letras que formam o Pentateuco, os cinco primeiros livros da Bíblia, e retirar do texto, todos os pontos, traços e virgulas, colando as letras uma na outra, como se fosse uma palavra só. Depois disso, colocando no computador, e a uma dada chave, por exemplo 53, o computador vai formar frases, usando apenas as letras de 53 em 53. Ou seja, 53, 106, 159, etc. E impressionante, ali estão descritos centenas de acontecimentos passados, e atuais, com precisão assombrosa de detalhes.
 
     Na realidade, milhares de fatos históricos podem ser comprovados por estas contas, usando as mais diferentes chaves, sempre com resultados incríveis. Lá fala de Hitler, fala de Stálin, fala de Putin e de George W. Bush, bem como fala de Ariel Sharon e de Yasser Arafat e Bin Laden. Também guerras e hecatombes! Impossível negar: matematicamente, isso é comprovado de forma irrefutável. E em todo mundo, continuam sendo descobertas novas chaves, pois muitos pesquisadores se debruçam sobre elas incansavelmente. Estes resultados são conseguidos tanto de frente para trás como o inverso, também partindo de posições interiores, do meio, dos lados, sempre com novas surpresas.
 
     Acima, porém, falei uma coisa que passou despercebida a muitos: Acontecimentos passados!  Ou seja, por este método incrível, se pode apenas decifrar o passado, e comprovar o presente, o que não seria profetizar, sequer decifrar, mas sim comprovar, corroborar o que já aconteceu e o que está em curso, o que se nos torna, de certa forma um conhecimento inútil, embora assombroso. Sim, porque mostra a perfeição da Palavra de Deus, que não somente fala de forma direta, cortante e perfeita, como deixa ainda perceber, nas entrelinhas, a comprovação dos fatos. Também nenhum livro outro, no qual o método foi usado, dá o mesmo resultado. Somente as Escrituras. E sim, existem ainda com certeza, nas Escrituras, inúmeras matemáticas, desconhecidas dos homens.
 
     Mas como falei também, Deus é Onisciente e é perfeito, de modo que podemos então fazer outra pergunta: Se, pela Bíblia, é possível comprovar o passado e o presente, não haverá forma nela, também, de prever o futuro? Ora, Deus não seria perfeito então, se usasse apenas das letras do Pentateuco para demonstrar Sua Sabedoria, porque existem outros livros na Bíblia, e existe um Novo Testamento inteiro, onde com certeza a mesma Sabedoria deixou Sua marca indelével, Seu selo de perf
eição. Sim, penso que é possível se prever datas e acontecimentos futuros, desde que se use, também, o Novo Testamento.
 
     Por um destes caminhos que somente Deus é capaz de fazer trilhar, tivemos a graça de conhecer um homem interessante, que parece ter descoberto a chave para ler as linhas do tempo. Quando ele chegou ao Cláudio, através do site, já o Céu o havia alertado antes que receberia este homem, de um país estrangeiro, e lhe dava importantes revelações sobre a vida dele. Tal que, quando o homem chegou, já o Cláudio lembrou a ele destas coisas de sua vida passada, o que o deixou embasbacado. Não só isso, consciente de que tinha diante de sim um profeta verdadeiro.
 
     Como o Cláudio teve dificuldade de comunicar-se com ele, mesmo através de um amigo brasileiro, ele indicou meu endereço, e disse que a parte de contas era comigo, que me procurasse. E não deu outra: dias depois eles estavam aqui! O Cláudio já me havia alertado que ele viria, e marcamos mesmo por telefone esta visita. Devo confessar que, no início, achei maluquice aquele estrangeiro chegar aqui, com cálculos malucos, números e graus ininteligíveis para mim, de modo que achei que ele buscava em mim a coisa errada.
 
     Mas me atendo melhor, e vendo a firmeza com que ele me indicava os fatos. A sua previsão matemática da derrubada das torres nos EUA, a data da ascensão e índole de Wladimir Putin da Rússia, também a previsão da Tsunami na Ásia e o local exato com cálculos matemáticos, tudo com comprovação de que ele avisara a centenas de pessoas por telefone destes eventos, então passei a olhar melhor sua matemática. E tudo fora tirado das chaves bíblicas que ele descobrira. Vejam, não se trata de um farsante, mas de um matemático, que descobriu uma chave fantástica de prever datas e fatos futuros, até mesmo onde irão ocorrer. Deus não o colocou em nosso caminho, sem uma intenção.
 
     Vejam, ele é devotíssimo, um servo, de Nossa Senhora, além de um dos homens mais apaixonados pelas Sagradas Escrituras, que já pude conhecer. É um católico praticante, e nada tem de adivinho, ou bruxo, ou profeta. É apenas um simples matemático comum, que – eureka – descobriu uma fórmula fantástica de ler as linhas do tempo futuro. Ele tem um emprego, trabalha para sustentar sua família, e o que descobriu é fruto desta paixão sobre a Palavra de Deus, em mais de 25 anos de estudo.  É na realidade um homem muito viajado, conhece o mundo inteiro e já viveu em outros países, hoje mais no Brasil – que acha fantástico – que em sua própria terra natal.
 
     Bem, este mesmo homem conheceu pessoalmente e foi amigo do descobridor dos Códigos da Bíblia, junto com quem fez muitos cálculos e descobriu coisas interessantes. Mas veio a se tornar inimigo dele, no dia em que falou ao rabino, que para entender o futuro, era preciso utilizar o Novo Testamento, e isso foi demais para aquele judeu teimoso. Foi então que nosso amigo descobriu a mais fantástica das matemáticas que jamais pude ver. A matemática do futuro. A previsão do futuro pela simples matemática.
 
     Ora na Bíblia existem bem poucas passagens que tratam de números. O leitor já viu, por exemplo como se repete o número 40? São 40 anos no deserto. São dias de tentação de Jesus no deserto... São 40 dias de chuva no Dilúvio... E isso são números. Temos também, no livro de Josué, diversas passagens que falam em números e dias. Portanto, de tempo. Temos em Isaías passagens que falam em números. E temos o livro de Daniel, onde aparecem diversas citações de tempos, como 2.300 tardes e manhãs. Ou 1.290 dias, ou 1.335 dias. Temos 70 semanas, 62 semanas, sete semanas e uma semana de anos, dividida em duas metades de 3,5 anos cada uma. Números para uns, chaves para outros. E Daniel diz de seu livro: muitos o esquadrinharão e o saber se multiplicará!
 
     Ora, para mim que não sou matemático e com certeza para 100% dos leitores – porque esta matemática só existe uma pessoa na terra que conhece os fundamentos, este homem de que estamos falando todos estes nú
meros, tempos, anos, semanas, meses, dias, tardes, manhãs, tudo isso para nós quer dizer exatamente o que descreve cada palavra, nada mais. Mas para um matemático, para uma pessoa iluminada pelo Espírito Santo, por trás de cada uma destas palavras existe uma chave, que pode montar uma fórmula de cálculo, que determina com matemática precisão de dias, um acontecimento futuro.
 
     E tudo isso nosso amigo conseguiu entender. Faltava, porém, um dado importante, sem o que os cálculos não davam exatos. E isso está na Carta de Pedro, onde ele diz: sabei que para o Senhor, mil anos, é como um dia.... Foi esta frase que lhe abriu o Espírito e a ela se referia, quando disse ao rabino judeu, que sem o Novo Testamento, ninguém entenderia o futuro. Ou seja, juntando pedaços de passagens das Escrituras, do Velho e do Novo Testamento, ele conseguiu entender algo incrível, e para ele, uma prova estupenda da simplicidade extrema de Deus. Os homens, sempre, O vão buscar naquilo que é complexo, difícil e ininteligível, quando Ele só se mostra no simples.
 
     E realmente, os homens, quando olham o Universo imenso são, literal e totalmente, incapazes de aceitar a simplicidade extrema de Deus, e vão buscar fórmulas assombrosas e mirabolantes, para explicar a criação, e o perfeito funcionamento do Universo. Para as leis perfeitas e Universais que determinam a rota dos astros, a função que cada um tem no equilíbrio entre as constelações, tudo para evitar que estes bilhões e bilhões de bólidos imensos, viessem a se entrechocar e a se fundir em convulsões, inviabilizando a vida na terra, e conseqüentemente a vida do próprio homem. E tudo isso segue uma matemática e Universal precisão, prova de que existe um Criador Supremo.
 
     E sem que os homens o percebam – e sem que os cientistas atinem – este Criador fantástico vai governando o universo inteiro, e vai mantendo e preservando a vida na terra, a despeito de todas as destruições causadas pelo homem, ávido e insaciável de enriquecer. Para isso, ele regula a pressão da terra, a pressão da água no planeta, controla a ação do ar e do calor e, assombrosamente, dá trancos na própria rotação da terra, acelerando ou diminuindo os tempos, de modo a ajustar os calendários, e de uma forma tão perfeita, que nenhuma máquina humana detecta. Tolinhos os cientistas!
 
     E até isso a matemática prevê. E é tão fascinante que, com a fórmula montada por este nosso – agora – amigo se vislumbra a possibilidade de prever acontecimentos futuros, senão já o “que” vai acontecer, mas sim o “dia” em que algo de grave vai acontecer. Então alguém me dirá: mas os médiuns espíritas, também acertam muitas previsões! E eu direi, o inferno está cheio de brilhantes matemáticos e gênios dos números, e está povoado de demônios super inteligentes. Quem me garante que não usem da mesma fórmula que este simples leigo criou? A diferença é que eles aprenderam a fórmula por força do mal, e ele mil vezes menos inteligente, a descobriu pela Luz de Deus. E se os demônios ainda não descobriram esta fórmula, onde a grande inteligência deles?
 
     De fato, ele mostra em seus cálculos o dia da criação do homem, com a mesma força numérica com que previu a queda das torres. Não só isso, definiu o verdadeiro autor daquele crime – e não é o pobre e perseguido Bin Laden – como telefonou para mais de 100 pessoas antes do evento, avisando que viria. Tudo isso, usando apenas daqueles números que citei acima, também o cerco de Jericó, e dados do Livro de Josué. E se – digo se – com tanta precisão ele previu tais acontecimentos, e registrou isso tudo até em revistas científicas – não se trata de bruxaria mas matemática pura – por qual motivo não se deve levar em conta os cálculos que apontam para o futuro e que ele já tem feito?
 
     Infelizmente para o leitor amigo, apenas até aqui posso ir. Nós recebemos uma posição dele, com cinco datas futuras adiante, três ainda para este ano e duas para 2007. O que este homem espera de nós? Apenas que Nossa Senhora confirme os cálculos e diga
o que se deve fazer com esta matemática tão fantástica. Se ela servirá apenas para o grupo, ou se para divulgação. Não é por acaso que ele chegou aqui. Não será por acaso, então que adiante – se for esta a divina vontade – que apresentemos alertas para dias e tempos.
 
     Eu não sei o que, realmente, vai acontecer naquelas datas. E devo ser absolutamente sincero com os amigos: não me importa saber! Não tenho nenhuma curiosidade. Creiam, nenhuma mesmo! Como está no livro da Comunhão dos santos que virá: Não deve, o homem, sobretudo, querer conhecer o que o ameaça neste final dos tempos. Não deve ter medo do que virá, como os acidentes que a natureza poderá provocar, e sim, deve respeitar a esta mesma natureza que ele não consegue dominar. Sim, até fatos como aquele tsunami são previsíveis, e por pequenas chaves, saber-se onde acontecerão.
 
   Mas para nós, por enquanto, o que estes cálculos, vêm, sem dúvida, é comprovar a autenticidade de nossa mensagem. O uso desta matemática, irá provar com milimétrica precisão tudo aquilo que temos dito. E irá mostrar que Deus, antes de enviar os profetas antigos e escrever Sua Palavra eterna, codificava cada letra, cada número que consta das Escrituras, para que ninguém tivesse dúvida de Seu Poder e de sua Onisciência.
 
   Dou uma simples indicação e não se vá dizer que assim será. O Cláudio tem ainda, inéditos, alguns segredos que no momento oportuno serão revelados. Imagine-se a força e o alcance deles, se não somente predissessem o evento para uma data, mas que esta mesma data pudesse ser calculada com matemática previsão? Sim, para que ninguém diga que se trata apenas de alucinação de uma cabecinha, mas que a matemática exata comprova pela força dos números. Então, ninguém poderá dizer: não acredito! Porque não se precisaria então da profecia, bastando para isso a matemática comum.
 
     Vamos aguardar o correr dos dias, o fluir do tempo. A terra, dividida em graus, em ângulos, em retas e perpendiculares, é também um livro aberto para cálculos precisos, pela matemática do Altíssimo. As rotas dos astros, seu diâmetro, a duração de seus movimentos de rotação e translação, tudo isso não é por acaso, tem sentido e na verdade são fórmulas matemáticas, que obedecem a uma precisão matemática absoluta. Basta ter a humildade de se achar nulo, e Deus Se abre para ditar o entendimento. Quem tem esta chave, monta as fórmulas, quem tem as fórmulas, calcula os tempos. Só os matemáticos científicos e ufanos não entendem isso. Mas ficam de cara no chão vendo os resultados.
 
     Na verdade, um simples fio de capim, aparentemente desprezível, obedece a uma lei Universal, uma matemática de precisão. Ele contém formas, elipses, diâmetro, estrutura, cor, peso, equilíbrio, tudo calculável em números. Ora, se um simples fio de capim, sobre o qual pisamos contém tudo isso, por que não a Bíblia, conter as formulas do inaudito? 
 
     Por hora, então, deixo o leitor na curiosidade. Vamos continuar rezando, para ver o que Deus quer de cada um de nós. Certamente Ele não deixará de nos alertar quando as catástrofes chegarem. Uma última coisa eu gostaria de alertar: Alfa e Omega, princípio e fim. Vejam os salmos 1, o 75, e o 150 (hebraico). Todos falam em julgamento, princípio, meio e fim. O que estamos chegando é no julgamento das nações. Porque as nações, os povos, os países serão julgados coletivamente, antes do julgamento individual. Ele vem!...
 
     Está no Apocalipse, a sexta trombeta 9,14-15: Solta os quatro anjos que estão acorrentados à beira do Rio Eufrates... que se preparavam para a HORA, O DIA, O MÊS, E O ANO da matança de 1/3 parte dos homens... Cada nação será julgada segundo o seu procedimento. E o Brasil do carnaval, e das 25 milhões de camisinhas que se prepare.
 
    Ninguém sabe deste dia, deste ano, deste mês e desta hora, somente o Pai. Mas o Pai o pode revelar a quem Ele quiser. No passado nós ficamos sabendo, 78 dias antes, da queda das torres do WTC. Quem duvida que pod
eremos saber dos eventos futuros – falo dos dias em que eles acontecerão – caso Deus assim nos queira revelar? Mas isso não será revelado abertamente na internet, que é da besta, somente em mala direta, no momento oportuno. Quando? Deus sabe! E saberemos por Ele, antes dos cientistas.
 
Sim, se for da Santíssima vontade de Deus.
Arnaldo


 
 
 

Artigo Visto: 2263 - Impresso: 33 - Enviado: 31

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.recadosdoaarao.com.br

 

 
Visitas Únicas Hoje: 649 - Total Visitas Únicas: 3.220.059 Usuários online: 79