Sejam Bem Vindos! Que Deus vos abençoe!

Página dedicada aos que amam as almas do Purgatório.
FAMÍLIA, FUNDAMENTO DA SALVAÇÃO
Documento sem título
Você está em: MENU PRINCIPAL / Deus / Morte a Deus (2)




 
 
31/05/2006
Morte a Deus (2)
 
Deus - 13 Morte a Deus (2)
Deus - 13 Morte a Deus (2)

2041126 MORTE A DEUS (2)
 
     Continuação do texto anterior.
 
     E este ímpeto do inferno, faz hoje com que as mínimas menções a Deus, a tudo aquilo que durante séculos nos serviu de referência seja extirpado do meio da sociedade. Todos os símbolos sagrados são aos poucos trocados pelos símbolos pagãos da nova Era. Na Europa, em todos os países, se processa uma rápida eliminação de tudo que lembre a Deus. Até mesmo os padres e freiras estão sendo proibidos de lecionar nas escolas trajando seu hábito eclesiástico, o que contraria a todas as normas do direito das pessoas de se vestirem como quiserem. Mas eles não querem nem saber de direito, porque a regra é a força: eles são a lei! Até mesmo os véus muçulmanos estão proibidos, mas estes o fazem, apenas porque, se voltassem seus ataques apenas contra a os clérigos católicos, isso se caracterizaria perseguição direta e não mais disfarçada. Porque mesmo é que não se voltam contra os quépis judaicos, suas roupas pretas e seus chapéus negros?       
      
     Querem saber da última loucura deles? Nesta semana saiu a notícia de que uma “pesquisa” holandesa constatou que o ar dentro das Igrejas é doentio e prejudicial a saúde. Ora, quem esteve como eu na Holanda, já por duas vezes, uma no inverno e outra no verão – falo de Amsterdam – sabe do que fala. Se o ar dentro daquelas Igrejas fede a mofo é porque não tem gente lá dentro rezando. E se está assim é porque o ar podre vem do povo mau que mora perto de tais igrejas, vem das drogas e dos cigarros que se fuma nos bares e nas ruas. No próprio artigo que escrevi a respeito da segunda viagem, admito isto. Mas na verdade, podre e maléfico é o ar da própria cidade. Acaso não são mais podres aquelas lojas de sex-shop? Aqueles prostíbulos expostos?
 
     E acaso não são mais podres aqueles bares escuros, baixos, cavernosos e cheios de fumantes que são milhares? Acaso não é mais podre aquele hotel onde eu estava hospedado, fedendo a cigarros, a drogas e a maresia? Acaso não é podre o ar daquelas casas de gente sem Deus? E porque acusar só as igrejas dos católicos – que são apenas umas vinte – e não também as sinagogas e as mesquitas? Será por motivo que eles as estão queimando? Quando irão queimar as igrejas católicas também, porque fedem? Claro, eles farão isto e não demorará muito tempo.
 
     Porque a coisa vai bem mais longe. Como continua dizendo o profeta Ezequiel, “verás abominações ainda maiores”. Vejam que até mesmo se pretende mudar os nomes dos tradicionais colégios Católicos, centenários e até milenares com nomes de santos e santas porque dizem que isso afronta os outros credos. Se entrarmos por este caminho absurdo e isto se processar em todo mundo – duvido, e não terão tempo para tanto – logo teremos de mudar os nomes de milhões de povoados, de vilas, de cidades com suas ruas e praças, despindo-os de seus nomes antigos e de santos, apenas porque isso desagrada os ouvidos do diabo, mestre deles.
 
     Ora mesmo que as pessoas não citem os nomes destes santos, com a devoção que seria devida, somente isso, é fonte de bilhões de graças diárias, que se derramam sobre estas localidades. Tirando-os fora, expulsam Deus e perdem-se estas graças! E como alerta a todos eles nós avisamos: já encontramos um cemitério onde estão enterrados um pai e seus dois filhos, os três no inferno. Um de seus crimes foi forçar a troca do nome da sua cidade, dedicado antes à Nossa Senhora, pelo nome de um militar  assassinado, que também está no inferno... com eles!
 
     O objetivo principal dos adoradores da besta – e isso segue a passos rápidos – não é somente retirar os nomes dos santos e santas dos locais públicos, mas também adentrar os templos católicos e botar a mão no patrimônio da Igreja Católica. De fato, a nossa Igreja tem um enorme capital morto, formado por templos, casas e ter
ras destinadas ao uso e ao culto dos fiéis e este patrimônio é real, mas diz-se morto, pois não pode ser vendido. Nenhum católico, em sã consciência, deixará que a Igreja se desfaça deste patrimônio, embora saiba que ele tem enorme valor. Entretanto, se a Igreja for destruída, se tudo aquilo que é sagrado perder seu valor de fé, então todas aquelas praças e templos, e igrejas, e salões, justo no centro das cidades e nos pontos mais valorizados do mundo, passarão a ser um patrimônio invejável. E os olhos da cobiça dos grandes deste mundo estão ávidos e sequiosos para botar a mão nele. E até já o loteiam entre si!
 
     Quanto valerá, em todo o mundo, este patrimônio morto, da Igreja? Quanto não renderá isso sendo transformado em museus, em casas de espetáculos, em galerias de arte, quem sabem em bordéis, exatamente para afrontar ainda mais a Deus? Acaso não é isso o que anseia o diabo? Acaso não é para isso que lutam os homens ao comando dele? Então, isso mostra bem claramente que o processo de demolição da Igreja está em pleno curso.
 
     Ora, a decisão de condenar a Igreja Católica e não os padres criminosos que nela se infiltraram, foi prevista e anunciada bem antes através do Cláudio. Trata-se de uma descarada manobra para enfraquecer financeiramente a Igreja, a fim de que ela seja obrigada a se desfazer de seus bens para pagar indenizações de pedófilos e homossexuais  que se infiltraram dentro dela, o que é injusto. João Paulo II disse claramente: tolerância zero com estes padres! E bento XVI diz o mesmo! A Igreja nunca aprovou tais atos nefandos, e a cadeia serve para padres também! Por qual motivo as outras empresas e entidades da terra, não devem pagar pelos crimes de seus funcionários e indenizar as vítimas de seus crimes, somente a Igreja Católica? Porque as empresas pertencem à besta, que quer roubar o patrimônio da nossa Igreja. Por qual motivo uma Disney totalmente dirigida por gente assim não deve pagar pelas loucuras de seus diretores? Somente pelo poder do inferno, que ataca o bem e premia o mal!
 
     Na verdade a Igreja Católica – pode crer – hoje está sentada no banco dos réus: logo virá a condenação com o falso, e virá o seu Calvário com o anticisto. Afinal, a Igreja não é melhor que o Mestre. Haverá logo uma grande confusão dentro dela própria. E nós, que não somos melhores que a Igreja, e porque somos Igreja, teremos de subir junto, para a mesma Cruz. E tal como o processo acusador de Jesus, toda a Igreja está hoje diante dos novos fariseus, de novos Caifás e Anás, também diante de milhares de Pilatos que cinicamente “lavam as mãos”. Uns jogam as mentiras mais sórdidas contra ela, sacam todo tipo de acusação caluniosa, inventam toda sorte de inverdades e enquanto a maioria lava as mãos, muitos aplaudem e cada dia chega mais perto o momento da flagelação. Não se iluda, porém, caro leitor, cada açoite que a Igreja receber com o falso papa, irá repercutir nas nossas costas, em nosso próprio corpo, e até em nossa alma, depois que assumir o anticristo. Lembre, porém sempre: Sem medo! O justo viera pela fé!
 
     Noutro dia, passando por um canal da TV por assinatura, deparei com um programa que contava a história da moda de praia, desde o início no final do século IXX, até as loucuras que hoje acontecem, com suas praias de nudismo, com as loucuras praias demoníacas como Saint Tropez, e outros locais onde satanás reina e impera. Ninguém é capaz de fazer idéia das loucuras que homens e mulheres fazem ali para “se divertir”. Mais que Sodoma, um abismo. Mas o que mais me deixou chocado, foi a declaração de uma “cientista” e estudiosa deste assunto quando ela disse com todas as letras: a maior praga que já aconteceu na moda da praia foi o cristianismo e a Igreja Católica, com sua mania de pecado. Imaginem o que não seria o mundo, sem a moral da Igreja Católica e sem o freio moral do Cristianismo! Com certeza, já o homem teria desaparecido da face da terra, e gente como esta mulher não estaria por aí a desafiar a Deus desta forma.r> 
     Com certeza, todo este aparato assombroso e condenatório, logo conseguirá chegar ao inaudito. E será tão terrível a força de pressão deles contra os filhos de Deus e os seguidores de Jesus Cristo, que pouquíssimos católicos conseguirão subsistir na fé. Quem não estiver profundamente ligado em Deus, será levado de roldão a acreditar na mentira, e literalmente não terá forças de permanecer fiel até no fim. E por medo, ou por covardia, ou por realmente acreditar que as coisas mudaram e é melhor que siga os ditames da besta, a maioria absoluta cairá na festa e “trocará presentes entre si, pensando ter vencido” (Ap 11, 12). Falo não só de leigos, mas também de padres e bispos, que cairão na mesma armadilha, sendo levados a seguir ao antipapa, o precursor do anticristo.
 
     E é assim que por um tempo – felizmente curto, mas tristemente terrível – ficaremos quase sem padres e quase sem a Sagrada Eucaristia. Porque na essência, o alvo principal do demônio em todo este vil processo é eliminar da terra a Eucaristia, pois somente assim ele teria uma chance de dominar todos os homens. E quando falamos em dominar, entramos no terreno da “marca da besta”. Interessante se observar o quanto a humanidade está desinformada a este respeito. De fato, de uma forma solerte e bandida, a besta ordinária vai mostrando aos homens a sua marquinha maldita, enfeitando-a com dezenas de artifícios de bem: Serve para evitar seqüestros, serve para controlar a saúde, serve para controlar o saldo bancário, serve para evitar o roubo do cartão de crédito e evitar o saque bancário por terceiros. Sim, também serve para receber comodamente aposentadorias e salários, enfim, tudo maravilhoso e perfeito! Será?
 
     Ora, o mesmo aparelho que permite saber onde uma pessoa se encontra, pode fazer com que sejam controlados os seus movimentos e até para que um foguete seja disparado nela, conduzido fatal e seguramente pelo mesmo chip. O mesmo aparelho que permite saber e controlar o saldo bancário pode também ser usado para roubar seu dinheiro, pois quem tem código tem senha. E se ele pode evitar que você seja seqüestrado, também poderá indicar o lugar onde você se encontra caso o queiram achar e matar. Não é tudo e é pior: O grande objetivo de demônio é escravizar os homens. Entretanto ele não tem poder para submeter livremente a todos, porque os homens, que são dotados por Deus de inteligência e de vontade própria, e fugiriam ou se revoltariam imediatamente.
 
    Mas veja: se o tal chip puder controlar o cérebro das pessoas, poderá também evitar a disseminação da rebeldia, estabelecendo a todos a uma submissão involuntária, algo como uma escravidão coletiva. Tudo isso será controlado por este pequeno cérebro implantado nas costas da mão ou na testa das pessoas. Não somente isto, mas também será possível eliminar do vocabulário das pessoas todos os nomes sagrados, Jesus, Maria, dos santos e Santas, até mesmo o nome de Deus poderá ser apagado das mentes – este o verdadeiro objetivo – colocando em seu lugar os pensamentos e a doutrina de Lúcifer, do anjo negro, fazendo com que seja ele o novo deus dos homens e seja por eles adorado.
 
     O sonho supremo desta criatura infernal é sem dúvida este: ser adorado pelos homens no lugar de nosso Deus! E quando vemos que proliferam com tanta intensidade os cultos satânicos, as missas negras, e também se expandem a todo vapor as novas igrejas de satã, pensamos que para estes será supérfluo o chip, a marca, porque seus corações já estão perdidos e suas almas mortas. Quanto à marca ainda, agora mesmo também se dissemina nos bancos o chamado “smartcard”, ou seja, os chamados cartões de crédito inteligentes, que já contem dentro deles o mesmo tipo de chip de controle. Este cartão trás, mecanicamente, algumas vantagens ao cliente evitando certos tipos de furtos, mas em compensação negativa já permite um certo controle sobre o possuidor.
 
     Não acreditem, pois, que o maligno se contentaria em apenas trazer benefícios para as pessoas, se por tr
ás não tivesse o objetivo maldoso de as escravizar, controlar e submeter. De fato, nem todos os exércitos da terra conseguiriam esta proeza, mas se a besta tivesse o tempo suficiente para marcar nos marcar, com certeza ela conseguira controlar a todos. Por sorte nossa, ela não terá este tempo, mas apenas cinco meses (Ap 9, 5). Outra coisa: Deus é Poder! E Ele dispõe de meios seguros de proteger os seus. Ninguém que tenha a marca da Cruz será tocado pelo anjo exterminador! Só quem livremente aceitar a marca maldita e trabalhar livremente por ela!
 
    Como vemos, o chip é mais uma forma tenebrosa de dizer: morte a Deus! Fora Deus! De dizer: agora é tempo do inferno e queremos outras experiências de vida! Obviamente então, que Deus proporcionará a humanidade esta nova experiência de vida, sob a força e o poder do inferno, até para que os homens percebem que o demônio de fato existe, e saiba o quanto ele é mau e cruel. A terra – esta nossa geração – não passará sem que o homem tenha vivido esta experiência, até porque depois de descobrir a imensidão de sua insânia – tarde para a maioria – ela poderá voltar rapidinho para os braços do Altíssimo, de onde nunca mais irá querer sair. De fato, esta experiência lhe será tão dolorosa, tão terrível, que os homens que por ela passarem, por inteiro terão como que impregnados na própria genética o sentido profundo de que não devem se afastar de Deus, ou será para eles a ruína eterna. Na Nova Terra, ninguém, nunca mais, quererá gritar: Morte a Deus!
 
     No Evangelho de hoje, dia 26/11, Jesus no pede para ficarmos alertas aos sinais dos tempos. “Quando virdes todas estas coisas acontecendo...”. Entretanto as pessoas não acreditam que coisas assim sejam sinais. Ora, não é preciso que TODOS os homens sejam marcados para que esta profecia se cumpra: Basta alguns... e eles estão sendo! Também não é preciso que TODOS os homens apostatem da fé, para entendermos que a apostasia está em curso. Em verdade, a maioria está indo! Igualmente não é preciso que TODAS as Igrejas da terra sejam despidas de suas imagens e objetos sagrados, para que se saiba que o anticristo já está em nosso meio: Há provas de sobra neste sentido!
 
     Da mesma forma, não é preciso que caiam TODOS os sacrários da terra, para que se entenda que chegou a abominação da desolação de que falou Daniel (Mt 24, 15). Ela é uma realidade! Enfim, não é preciso que TODOS os católicos sejam assassinados, para que se entenda a perseguição está em curso! Aliás, somente no século passado a Igreja teve mais mártires do que nos outros séculos anteriores juntos! Querem mais provas? Com certeza, todos aqueles que hoje não percebem – ou não querem perceber – todos estes fatos, mais tarde sofrerão horrores até que tudo se cumpra e então entendam.
 
     Toda esta maldade já em curso prova segura de que na terra já está o anticristo. Para que ele se materialize completamente é preciso que tudo fique impregnado de maldade, até um nível insuportável. Então ele se mostrará e virá a guerra. Ontem mesmo recebi o telefonema de uma pessoa insuspeita, que tem um carisma comprovado, e ela me falava de sua última visão: Eu estava em frente ao Pentágono, nos Estados Unidos, e de repente o vi transformar-se num enorme tanque de guerra. E saindo do tanque, como formigas, vi um enorme e pavoroso exército que brotava sem cessar. E estes soldados, milhões deles, a partir do Egito invadiram o Estado de Israel. Então eu disse a esta pessoa que faz sentido, pois o Apocalipse fala sobre uma guerra onde serão mobilizados 200 milhões de soldados (Ap 9, 16). E eles estarão sobre Israel.
 
     Ora, já lembramos aqui, o objetivo deste exército se deslocar sobre Israel, com tanta fúria, é unicamente para eliminar de lá tudo aquilo que é divino e
sagrado
, tudo aquilo que lembre a passagem de Jesus. Tudo já está mapeado e condenado. Israel – pensam eles – nada poderá contra um exército desta dimensão. Aliás, quem leu o plano do Cálice, sabe que haverá sim uma guerra de Israel contra os EUA, devido a uma agressão deste contra aquele. Mas ai deles!
 
     Eis o que diz Ezequiel a respeito deste fato, quando Israel for atacado por esta multidão de povos: “Naquele dia futuro... O furor me subirá ao nariz. Na explosão de meu ciúme e na exasperação da minha raiva, eu o afirmo, Eu juro, haverá terrível abalo na terra de Israel. À minha vista tremerão de pavor... todos os homens que vivem na crosta terrestre... Cada um voltará a espada contra seu companheiro... Farei sua condenação com a peste mortífera... Farei chover sobre eles saraiva fogo e enxofre... A fim de que saibam que sou o Senhor” (38, 18-23)
 
     Também Zacarias assim afirma: Então sairá o Senhor, e pelejará contra aquelas nações: Ele combaterá como o sabe fazer em tempo de guerra (14, 3) Eis a praga com que o Senhor vai ferir os que atacarem Jerusalém: apodrecerá sua carne, estando eles ainda de pé; seus olhos apodrecerão dentro da órbita e apodrecer-lhes-á a língua dentro da boca. Naquele dia, o Senhor semeará pânico no meio deles, de sorte que se atacarão mutuamente e levantarão as mãos, uns contra os outros” (14,12-13). E Ezequiel completa: Os israelitas gastarão sete meses para enterra-los e limpar a terra (38, 12). E saberão que Deus existe!
 
     E assim, os versos bíblicos se combinam e se completam, para mostrar o saldo de uma hecatombe. Penso que nem 1% da humanidade acreditaria que todos os países da terra, eles e todo o poder de seu exército, um dia futuro e próximo serão conduzidos sobre as terras de Israel, para o atacar. Ninguém acredita nisto! Ninguém acredita que eles levarão uma surra de tal magnitude. Somente os servos de Deus, que sabem do Seu poder, não ignoram que assim está profetizado e assim será. Um dia isso fatalmente irá acontecer. E como a profecia diz que “todas as gentes da terra trabalharão sete meses nesta sepultura” isso comprova que a guerra, depois dali, se estenderá sobre outras nações e seu efeito pernicioso atingirá toda a terra. Como está predito nas escrituras antigas, e na profecia atual; esta não inova, apenas nos mostra a realidade, e afirma: tudo isto está próximo!
 
     Então, a fúria do inferno estará no máximo. Esta surra monumental que eles levarão do próprio Senhor Altíssimo – ninguém acreditaria que Israel sozinho tivesse por si o poder de derrotar todos os exércitos da terra – aumentará ainda mais o ódio do anticristo e seus sequazes. A perseguição será atroz e cruel. Haverá muitos mártires, correrá muito sangue em defesa da Igreja. E assim como eles não conseguiram extirpar de Israel os sinais de Deus, também não conseguirão extirpa-los totalmente de outros lugares da terra. No final, o que serão eliminados totalmente da terra serão sim, os vestígios das obras, os sinais e as marcas de satanás. Tanto as marcas nas construções e torres – que serão sepultadas no mar depois de consumidas pelo fogo – quanto as marcas apostas nos servos da besta, que serão enterradas junto com as hordas e os exércitos.
 
     Não é preciso muito tempo para a terra pegar fogo, meus caros. Não façam conta de décadas, porque milhões de demônios furiosos, em poucos dias queimam tudo. Para jogar os povos uns contra os outros, basta algumas semanas! Para acontecer um ataque dos Estados Unidos contra Israel não precisa motivo, o Iraque é exemplo! Qualquer motivo será pretexto! Tudo está por um fio! Para começar uma guerra basta uma centelha! As narinas de Bush e de todos os que o apóiam naquele país insensato pedem sangue. A vida das nações está por um fio e a espada vingadora do Senhor (Ez 21) está em curso de descida! Então os povos entenderão que há somente um Deus, há somente um Senhor, e isso em breve todos os vivos, que restarem vivos, saberão. E nunca mai
s esquecerão!
 
     Quando a mão do Pai Eterno apontar para a terra, será como um tiro de canhão do infinito: um astro em fúria a atingirá em cheio! E este astro dará o sepulcro para a maioria dos desafiadores e blasfemos. Porque está dito: Fora os cães, os envenenadores, os impudicos, os homicidas, os idólatras e todos aqueles que amam e praticam a mentira. (Ap 22, 15) Estes terão “como quinhão, o tanque ardente de fogo e enxofre, a segunda morte” (21,08). Estes não entrarão no repouso eterno, com certeza!
 
E nunca mais haverá na terra bocas para gritar: morte a Deus!
Mas sim: Glória a Deus nas alturas, e na terra Paz, aos homens de boa vontade!
Porque: A Igreja ressurgirá, e Pedro será vencedor!
Mas até lá, só nos resta REZAR!
Arnaldo


 
 
 

Artigo Visto: 1171 - Impresso: 18 - Enviado: 9

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.recadosdoaarao.com.br

 

 
Visitas Únicas Hoje: 529 - Total Visitas Únicas: 2.969.432 Usuários online: 55