Sejam Bem Vindos! Que Deus vos abençoe!

Página dedicada aos que amam as almas do Purgatório.
FAMÍLIA, FUNDAMENTO DA SALVAÇÃO
Documento sem título




 
 
10/01/2012
O Papa gostaria
 
10/1/2012 10:18:32

Eucaristia - O Papa gostaria

O PAPA GOSTARIA

Papa gostaria da Missa Tridentina em cada paróquia, diz autoridade do Vaticano

Por Simon Caldwell
Catholic News Service (Traduzido pelo google)

LONDRES (CNS) - O Papa Bento XVI gostaria de todas as paróquias católicas em todo o mundo para celebrar a Missa Tridentina rito regular, um cardeal do Vaticano disse.

Cardeal Dario Castrillon Hoyos também disse a uma conferência de imprensa 14 junho em Londres que o Vaticano estava escrevendo para todos os seminários para pedir que os candidatos ao sacerdócio sejam treinados para celebrar a Missa segundo a forma extraordinária do rito latino, também conhecido como a Missa Tridentina, restrito da década de 1970 até julho de 2007 quando o Papa Bento XVI levantou alguns desses limites.

O cardeal, que estava visitando Londres, a convite da Sociedade de Missa em latim, um grupo católico britânico empenhada em promover Missa no rito tridentino do Missal Romano de 1962, disse que era "ignorância absoluta" pensar que o papa estava tentando reverter as reformas do Concílio Vaticano II, incentivando a utilização do rito.

"O Santo Padre, que é um teólogo e que foi (envolvido) na preparação para o conselho, está atuando exatamente na forma do conselho, com a liberdade que oferece diferentes tipos de celebração", disse ele.

"O Santo Padre não quer voltar ao passado, ele está trazendo um tesouro do passado para oferecê-lo junto com a celebração rica do rito novo", acrescentou o cardeal.

Quando perguntado por um jornalista se o papa queria ver "muitas paróquias" fazer provisão para a Missa Tridentina, o Cardeal Castrillon, um colombiano, disse: "Todas as paróquias Não muitos, todas as paróquias, porque este é um dom de Deus. .

"Ele (o Papa Bento XVI) oferece essas riquezas e é muito importante para as novas gerações conhecer o passado da Igreja", disse o Cardeal Castrillón, presidente da Pontifícia Comissão "Ecclesia Dei", que trabalha para ajudar os católicos tradicionalistas separados retornar ao a igreja.

"Esse tipo de liturgia é tão nobre, tão bonito", disse ele. "A adoração, a música, a arquitetura, a pintura, faz um todo que é um tesouro. O Santo Padre está disposta a oferecer a todas as pessoas essa possibilidade, não só para os poucos grupos que pedem, mas para que todo mundo sabe disso maneira de celebrar a Eucaristia na Igreja Católica. "

Ele também disse que sua comissão, que também é responsável por supervisionar a aplicação do "Summorum Pontificum", o decreto 2.007 papal que autoriza a utilização universal do rito tridentino, estava em processo de gravação de seminários, não só para equipar os seminaristas a celebrar a Missa em Latina, mas para compreender a teologia, a filosofia ea linguagem dessas massas.

O cardeal disse que as paróquias poderiam usar as aulas de catecismo para preparar os católicos para celebrar missas todos os domingos como para que eles pudessem "apreciar o poder do silêncio, o poder do caminho sagrado diante de Deus, a teologia profunda, para descobrir como e por que o sacerdote representa a pessoa de Cristo e rezar com o padre. "

Em "Summorum Pontificum", o Papa Bento XVI indicou que as Missas Tridentina devem ser disponibilizados em cada paróquia, onde grupos de fiéis desejam e onde um padre foi treinado para celebrá-la. Ele também disse que a Missa do Missal Romano em uso desde 1970 continua a ser a forma ordinária da missa, enquanto a celebração da Missa Tridentina é a forma extraordinária.

O documento não exige que todas as paróquias seja obrigadas a estabelecer automaticamente uma programação Missa Tridentina, mas disse que quando "um grupo de fiéis ligados à prévia tradição litúrgica existe de maneira estável", o pastor deve "voluntariamente aderir" ao seu pedido para fazer a massa disponível .

Cardeal Castrillon disse na conferência de imprensa, no entanto, que um grupo estável pode significar apenas três ou quatro pessoas que
não foram necessariamente tiradas da mesma paróquia.

No final do dia, o Cardeal Castrillón celebrou a missa pontifical primeira alta no rito tridentino, em Westminster, em Londres Catedral em 39 anos. O evento atraiu uma congregação de mais de 1.500 pessoas, incluindo famílias jovens. Nenhum dos bispos Inglês ou Galês compareceram. END
++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
OBS> Por questão de santa obediência, por questão de obrigação sagrada, por questão de direito dos fiéis, tal disposição de Sua Santidade o Papa Bento XVI não deveria somente ser implementada imediatamente em TODAS as paróquias do mundo, como deveria esta Missa ser revertida para ordinária, ou até mesmo única, abolindo aquela - esta atual - que foi imposta mediante fraude. Uma trama que já levou bispos participantes ao inferno. Este foi um crime de lesa-a-Deus!
 
Diante dos milhares de abusos cometidos na Santa Missa atual, o senhores bispos de todo mudo, fossem eles realmente conduzidos pelo Espírito Santo - porque quase todos se fecham para a graça - já deveriam ter solicitado a interdição da Missa Atual, que permite criatividades que são malignas, e cujos efeitos em graças podem chegar a ser quase nulos, quando nao completamente sacrílegos. Como o Céu tem revelado, a Santa Missa em latim, construída pelo Espírito Santo através dos séculos, é Sacrifício enquanto a Missa em vernáculo, tornou-se apenas memorial, cada vez mais banalizado e já se torna ceia, e já se torna a abominação desoladora predita por Daniel.
 
A Santa Missa deve ser um verdeiro mergulho na alma, um penetrar profundo dentro de nós mesmos, no silêncio da contemplação, passo a passo, do caminho da cruz. Uma hora apenas, numa semana de 168 horas, seria demais para este povo ficar em silêncio, ouvindo os gemidos de Jesus pagando por nossas culpas? Imaginando os passos do Calvário? É isso que se repete a cada Missa! Acaso é impossível permanecer uma hora em silêncio, sem palmas, abraços, música estridente, pandeiros, atabaques, batuques, guitarras e berros de músicos? Pelo menos na fila da comunhão e logo após, não daria para ficar em silêncio?
 
Diziam que o povo antigo não gostava da Santa Missa em latim, porque não entendia nada. Mas pergunta-se: acaso entende agora? Agora que "entende" exige sempre mais movimentação novidades, experiências diferentes, emoções e no fim saem de lá vazios como saem de um show de música popular. Banalizaram tudo, até os extremos, e é exatamente agora quando demonstram que não entendem nada deste mistério. Mistério que não é para entender, é para viver, crer, amar e profundamente adorar. E alimentar-se dignamente para vida aqui e a eterna. Sem Eucaristia digna não se chega no Céu!
 
Algumas Santas Missas atrás onde participei o celebrante interrompeu a celebração por mais de 10 vezes exigindo palmas. Como palmas? Diante de Alguém que sai do Getsêmani, torna-se réu no patíbulo, é açoitado quase de morte sobre o Calvário entre quedas e rastros de sangue, é pregado e está ali morrendo Cruz? É para Ele que batem palmas? Gostaram do que lhe fizeram os algozes? Não seremos outros com nosso descaso? Não eu não retiro uma só palavra do que mostro aqui, está é a realidade da Santa Missa. É por causa desta banalização que a Igreja vive hoje esta tremenda divisão.
 
E é do Mistério da Cruz que eu devo me compenetrar quando participo da Missa. Desde a entrada, até o beijo no altar que siboliza Jesus abraçando a Cruz, o perdão que é o Sofrimento do Getsemani, e assim passo a passo, cada gesto, cada palavra, cada ato do celebrante VIVE misticamente a mesma dor, o mesmo sofrimento, a mesma angústia da traição, os mesmos cravos do escárnio, a mesma Cruz de quem Se fez maldito, para que nós pudessemos ouvir a palavra "bendito", eis a chave que nos abre a porta do Céu. E ele não se abre com pandeiros na Santa Missa, nem com palmas porque não é a casa da sogra.
&n
bsp;
Não entendem o latim? Mas quem disse que os homens precisam entender? A oração é feita para Deus, não para ouvidos humanos! É o Pai que tem que entender e aceitar! Basta que uma catequese santa mostre o SENTIDO de cada passo da Santa Missa, basta que as pessoas sejam satamente catequizadas para VIVEREM aquela Paixão que se renova a cada dia, a cada celebração, e por milhares de vezes diariamente. Falta catequese, instrução, falta amor e fé! Falta obediência e unidade sob Pedro, para reverter esta situação terrível.
 
O Santo Padre, sabiamente, conduzido que é pelo Espírito Santo, tenta resgatar o sentido sacrifical e misterioso da Missa, porque percebeu que a Missa atual, tão banalizada como está, simplesmente cortou o canal de graças, tendo em vista os dilúvios de sacrilégios que se cometem diariamente, em todo mundo. Antigamente só ia ao banco alvíssimo da comunhão, quem estivesse dignamente preparado, com a confissão em dia. Ninguém tocava na Eucaristia, para não banalizar! Hoje tocam e mastigam a dentadas! E a imensa maioria ficava no banco, sabendo-se indigna de receber o Corpo Santo de Jesus. Mas que acontece hoje?
 
Vale a pena relembrar a mensagem passada ao Cláudio em 03/06/1998.
 
Paz!
Veja a comunhão: É Jesus, o alimento vivo, verdadeiro, Eterno! Entrega-se totalmente, vítima dos  pecados do homem a este mesmo homem, num ato magnânimo de amor e perdão! Com alegria, isto o faz, para que toda a humanidade caminhe para a eternidade, santificada e pura!
Vês o banco de comunhão? O que vês?
Uma fila de renegados, maltrapilhos, mutilados, mal cheirosos, arrastando-se escandalosamente a passos pesados, num barulho ensurdecedor! Um a um vão receber o Corpo de meu Filho! O tesouro mais precioso, mais caro, vai parar no âmago mais sujo, nojento, diabólico de milhares de pessoas...
A fila não para, porque o operário não pode negar e vai entregando o Santo ao imundo!
Vês o meu Filho? Desolado, calado, a cabeça pendente. Seu coração grita com todas as forças: “Pai, se podes, afasta de Mim tal sofrimento”. Mas sabe que é preciso continuar! E o bando asqueroso O pega, engole... e O vomita!...
Pai, perdoai-lhes, porque não sabem o eu fazem!...
(Mas, Mãe, nem todos...)
Graças a Deus, filho! Graças a Deus! Mas são poucos, tão poucos, que a fila tão imensa os esconde!
Vês? São os mais humildes, calados, refletem seus pecados, unem-se aos Anjos em adoração constante, corações abertos, puros.. almas Santas... aliviam as dores atrozes de Jesus dando a Ele, o que merece: O aconchego  amoroso, o repouso, a paz! Jorra amor abundante nestes filhos queridos!
A justiça será feita. Ai dos escarnecedores! Ai do bando de mutilados que ao invés de hinos de amor, cantam a desgraça de si próprios ou grunhem, rosnam, latem...
Jesus está para todos indistintamente, mas poucos, pouquíssimos, estão para Ele! Meneia a cabeça inconsolado, olhos fundos. De Seus olhos, não saem mais lágrimas!... Quando terminará? Não demorará! O Pai já não suporta mais ver Seu Filho ultrajado e humilhado!
Ai dos renegados, dos mutilados, dos asquerosos! E não tardará... Esgota-se a paciência Infinita! Benditos os poucos. Construirão o Novo Reino, junto a Meu Filho, de felicidade Eterna! Aos outros, a maldição eterna! Amém?
(Mãe, muitos gostariam de comungar e não podem...)
Só Deus determina quem pode ou não! No entanto, Jesus se entrega a todos. O Pai faz o julgamento! (...)
Eu, Maria Rosa Mística, vos abençoo: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!.
 
Penso que não precisaria dizer mais nada, o Céu vê, o Céu sabe o que acontece. A Eucaristia é o escudo do mundo, é fortaleza do povo santo, porque Deus Mesmo presente e vivo. Sem a Eucaristia o mundo já teria desaparecido, não haveria na terra nem mais um só homem. Sem a Eucaristia o Sinédrio teria vencido, e a humanida teria marchado para a ruína inexorável. Como vai agora!
 
Todos os movimentos finais deste mundo que se esvai, serão central
izados na Eucaristia. Quanto mais Eucaristia, quantos mais Sacrários vivos de pessoas alimentadas dignamente, mais o povo santo terá forças. Quanto menos tivermos a Eucaristia, quanto menos pessoas se alimentando dignamente, mais sacrilégios e o fiel da balança tenderá para o inimigo. A Abominação já foi decretada, a extinção da Missa - mesmo a atual - já é projeto avançado dos condutores da destruição deste mundo. Felizmente isso duarará pouco...
 
De fato, depois que a terra estiver em frangalhos, depois que o mundo atual estiver em trapos, esta civilização babilônica em ruínas, e restar aqui um punhado de gente, então de súbito, com a volta dos sacerdotes SANTOS, pelo sopro do Espírito de Deus a Eucaristia reviverá. Será salva nas famílias com os padres santos - não na Igreja dos maus padres que não cuida nem cuidará dela - e caminharemos para a vitória. Virá então anunciado Triunfo de Maria, pelo triunfo de Jesus Eucaristia. Quando a Eucaristia for finalmente reconhecida como Pão da Vida Eterna, também Maria será reconhecida como Mãe e Medianeira, por todos os povos.
 
Que Deus vos abençoe a todos!

Para meditação deixo uma frase enigmática que surgiu em meu pensamento durante a noite que passou e diz assim> Dia 15 será divulgado o Manifesto! No dia seguinte, 16, ele se apresentará ao mundo.

OBS> Conforme as profecias antigas, anunciadas pelos santos da Igrea e que previam guerras civis em muitas nações imediatamente antes do anticristo, devemos entender isso como as greves que estao explodindo, o descontentamento do povo, as perdas de empregos, as confusões dos governos, as gigantescas perdas financeiras, e notadamente as guerras reais em muitos países, com a perseguição da Igreja e tudo o mais.

De fato, a perda de uma única vida humana já é suficiente para abalar o Céu, imaginem os milhares que se perdem diariamente, torturados, queimados, vítimas de ataques suicídas e explosões de carros bombas, verdadeira carnificina. Mas não se descarta nos próximos dias algo mais forte, que dará ímpeto ao movimento da fera em direção ao governo único. Aguardemos confiantes! Rezem pelo Cláudio, a quem é dirigida a perseguição maior. E pelo Movimento! Com Deus nós iremos vencer, tudo se confirmará!
  
  
  
 

 
 
 

Artigo Visto: 2805 - Impresso: 76 - Enviado: 71

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.recadosdoaarao.com.br

 

 
Visitas Únicas Hoje: 69 - Total Visitas Únicas: 3.406.876 Usuários online: 96