Sejam Bem Vindos! Que Deus vos abençoe!

Página dedicada aos que amam as almas do Purgatório.
FAMÍLIA, FUNDAMENTO DA SALVAÇÃO
Documento sem título
Você está em: MENU PRINCIPAL / Cartas / O Aviso




 
 
13/08/2005
O Aviso
 
Cartas - 04 O Aviso
Cartas - 04 O Aviso

Arnaldo, paz

Conforme você, nos pediu há tempos atrás mando nossos testemunhos por escrito
agora, e o faço começando por um fato ocorrido comigo.

Em 1998, quando, ainda trabalhava em uma fábrica de caçados em nossa cidade,
durante o horário de almoço como de costume me deitei para descansar um
pouco por volta de 11:00, quando de repente fui surpreendido, por uma
sensação de calor impressionante como se aumentassem em dois ou três graus a
temperatura, e tive a seguinte visão:

Uma colina desconhecida fora da cidade, havia muitas pessoas, algumas conhecidas
mas a maioria não. Trevas cobrindo toda a terra que eu podia enxergar, raios e relâmpagos em lugares distintos e havia muito medo nas pessoas a ponto delas ficarem estáticas;
de súbito um (como que buraco foi se formando no céu) e tomou o formato de cruz.


Começou então a aspirar essas trevas bem lentamente. Então fui tomado de um
desejo forte de olhar para essa cruz e percebi que na medida em que as trevas
sumiam começava a cair uma espécie de fogo, semelhante ao que ouvimos falar
no pentecostes. E caía sobre aquela população. Só que era estranho pois em
algumas pessoas ele caía e se iniciava um incêndio corporal a e aos gritos
essa pessoa não podia suportar, em outras caía e elas não se queimavam mas
eram tomadas de alegria e de uma expressão indizível, com rostos brilhantes,
e muita leveza, olhava ao meu lado bem próximo a mim esse fenômeno se
repetindo e eu num misto de medo e espanto pelo que estava acontecendo,foi
quando um temor muito forte tomou meu coração e me dei conta de que a cruz
estava sobre mim

E fui alvo de uma gota deste fogo; ao cair em mim imediatamente me senti nu,
pois minhas roupas haviam sido queimadas mas não só elas e parece que meu
corpo também, e mais parece que até meu espírito estava sendo queimado, mas
por incrível que pareça não sentia  dor mas um imenso amor de DEUS  e a
certeza de que estaria com ele em breve, uma sensação de leveza era como se
levantasse as mãos eu pudesse voar.algo inacreditável.

Após ser queimado percebi que o fogo não se consumia e que na verdade ele já
brotava de mim, olhava os braços e podia ver as chamas e uma alegria muito grande tomou
conta de mim não tinha mais nenhum pensamento mau, nada, nenhum pecado nada.

Aos poucos senti uma espécie de mão no meio das minhas costas por trás de
mim me empurrando suavemente, e foi me levantando, levantando, até que quando
me dei conta estava a mais ou menos cinco metros do chão e subindo, subindo,
nunca vou esquecer,olhava ao redor e vi milhares de almas em todo mundo e
Deus me deu a conhecer vários lugares o mesmo fato acontecendo.

Vi anjos voando de cima para baixo e de baixo para cima como se eles
próprios conduzissem o evento subi o mais alto possível e mergulhei numa luz brilhante

logo após "acordei" com quase 40 de febre que aos poucos foi baixando ali
mesmo. A propósito tudo isso durou menos de quinze minutos

nota: achei muito confuso na época e quase não partilhei com ninguém exceto
os irmãos da c.a.s.a. pois na época eu não tinha idéia do que se tratava , mas hoje em confirmação de discernimento após a oração  sentimos que se trata do arrebatamento que está em vistas de acontecer espero que seja útil para edificar na fé

abraço
cristiano
ps. aos poucos vou te contando outros fatos ocorridos conosco principalmente
relacionados ao óleo de São Rafael
 
OS: esta visão tem mais a ver com o AVISO de Deus, não o arrebatamento final. Na verdade serão muitas as formas de arrebatamento, Deus haverá de proteger, amparar e recolher aos seus filhos da melhor forma possível. Vamos aguardar e rezar para que o fogo não nos queime, mas que nos faç
a bem, quero dizer que não estejamos naquele momento em pecado grave, pois estes sofrerão muito.


 
 
 

Artigo Visto: 2377 - Impresso: 50 - Enviado: 15

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.recadosdoaarao.com.br

 

 
Visitas Únicas Hoje: 355 - Total Visitas Únicas: 3.361.797 Usuários online: 71