Sejam Bem Vindos! Que Deus vos abençoe!

Página dedicada aos que amam as almas do Purgatório.
FAMÍLIA, FUNDAMENTO DA SALVAÇÃO
Documento sem título
Você está em: MENU PRINCIPAL / Cartas / Deus protege




 
 
22/01/2011
Deus protege
 
Cartas - Deus protege
22/1/2011 09:04:37

Cartas - Deus protege


z
 
 Na Noite da Visitação a Nossa Senhora deixou uma mensagem e no meio desta haviam duas frases , a primeira
 
"Devo vos dizer também que: as tribulações tem seu início datado para o ano próximo..." 
 
esta já vimos começar e acontecer com mais gravidade no Rio de Janeiro  e em tantos lugares atingidos pelas aguas, que nem damos mais conta de chorar pelas vitimas.
Só admiramos quando vimos duas reportagens em que de uma casa só sobrara a capelinha - um corredorzinho cheio de quadros de santos e uma imagem de Nossa Senhora das Graças, que o escorrido da lama  vermelha em seu rosto lembrava lágrimas de sangue .
 A segunda reportagem mostrou a Igreja antiga de Nova Friburgo totalmente destruida com carros dentro e seu sacrário e santos do altar preservados .
Penso que não serão só estas  as nossas dores .Mas, isto já serviu de alerta pois minha Igreja  que sobrava lugares, estava lotada neste ultimo domingo.
A segunda frase é
:"Não deveis ter medo: nada vos atingirá! Deus sempre vos observará e vos livrará de todos os males e perigos" 
 
Nesta quarta feira dia 19 de janeiro de 2011, minha família viveu esta promessa de Nossa Senhora .
Perto do meio dia acabou o gaz do botijão , pedi ao meu marido que o trocasse e ele nos pediu para fechar todas as bocas do fogão e assim fizemos.
O botijão fica embaixo de uma pia do lado de fora de casa, em uma area em que fica tambem os relógios da força e da agua, ela mede uns 3 por 3 metros. O local é cheio de plantas, tem arvores no restante do quintal e era ali que rezei muitos terços de Anistias passadas.
 
Meu marido gritou que podiamos ligar o fogão e acendemos uma boca , tudo bem.
Nesta mesma hora ouvimos dois estrondos muito fortes, um barulho infernal , que pensamos  - o fogo voltou e explodiu tudo .Não foi  isso .
 
Seguiu-se um silencio ,  de segundos, minutos, uma eternidade. Com minha neta no colo corri em direção a area do jardim , mas havia  a area de serviço para transpor e um portão que isola cada canto de minha casa e eu não conseguia ver nada do que poderia ter ocorrido com meu marido .Passa em sua cabeça as cenas de desastres, tudo de ruim que voce já ouviu falar é horrivel. Sensação de impotencia e de coisa sem volta.
 
Minha Nossa Senhora ! Minha Nossa Senhora Aparecida ! Marido !
O silencio continuou, pensei não posso ir lá com o bebe no colo, voltei  e entreguei para a mãe e abri o portão .
Meu marido de pé todo sujo e bem e os meus cachorros boxers desesperados e latindo para sair dali . Ele ficou tão atordoado   que nem falava nada.
Caiu todo o telhado da tal area encima deles !
Por Deus e Nossa Senhora meu marido estava agachado em frente a pia tentando por o botijão embaixo dela quando ouviu o barulho e viu ela já caida .
 
Nestas hora não pensou, não notou e nem viu cair, nem teve como pensar em reação ou em escapar, foi muito rápido .
Examinei e ele só tinha um corte nas costas, talvez da quina de um caibro e na camisa a marca de uma telha que o tocou  na altura do ombro . Não bateu nada na cabeça e nem ao médico quis ir  Os boxers, bem, um machucou a perna e o outro um galo na cabeça, coisa leve.
 
A pia e a caixa de força e medidor de agua são feitos junto a parede mais alta de onde desce o telhado e o resto dos caibros são apoiados em outra vigota mais forte e esta está equilibrada num pilar e no muro, Este apoio no muro cedeu pelo peso das telhas com tres dias de chuvas  aqui  e quebrou o pilar, vindo para frente . Os sarrafos partiram no meio da area e tudo destacou da parte mais alta e parou aqueles caibros na pia e na lage pequena que cobre os medidores. onde estes receberam a força e o peso  maior. Nem sei se deu para entender.
 
Se ele estivesse de pé, estaria morto, mas reparamos que as telhas  não se destacaram das ripas no lugar em que ele estava, elas ficaram perfeitas e e
ncaixadas !
Acabamos contando para todos  que foi um milagre !E foi mesmo !
 
Agradecemos muito a Jesus  e a Nossa Senhora tamanha proteção e amor. Choramos na missa, de ter tomado consciência do tanto que somos frageis e pequenos e que podemos perder nossa vida num segundo e  nem sempre poderemos estar preparados .  Sempre lembro de um dito de Nossa Senhora que fala que a benção da missa poderá ser sua última dada por um padre. Voce já sentiu e pensou nisto ?
 
Dias antes , na segunda tinha ouvido uma homilia em que um padre nos dizia que teriamos que perder esta fé ingenua e termos uma fé madura e ao qual mandei um recado dizendo estar triste e que ele parasse de falar assim pois a minha maior luta era conseguir uma fé de criança, de coração puro e simples .
Hoje lemos muito, estudamos mais ainda e  nem percebemos que Deus nos quer como crianças totalmente em seus braços, sem grandes pensamentos de "se"  ou "como", simplesmente entregues de preferencia com um "seja feita a Sua vontade".
 
Somos  de terço em familia, todos os dias nos esforçamos em ir a missa e não deixamos de pedir pelas almas. Temos dificuldades e elas são grandes, mas coisas do mundo. Precisamos de mais conversão e de mais santidade, somos humanos , mas caminhamos  todos os dias tentando sermos melhores até um dia estarmos com Jesus , Maria e todas almas. Esta é nossa esperança. Graças ao Salvai Almas estamos firmes em nossa fé e acredito como criança nas mensagens de Nossa Senhora.
Estas mensagens são para cada um de nós e valem ,  faço o sinal da cruz todo as vezes que as leio e Maria  nos abençoa assim :
 
"Eu vos abençôo, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!
“Maria, Mãe do Universo!”
 
Fiquem com Deus
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++



OBS: Na casa do Cláudio, fica a capelinha Rosa Mistica, onde era a salinha da antiga confecção deles, e como tinha ficado pequena, eles construiram uma pequena área para esticar um pouco o espaço. Com isso tiraram parte da garagem, onde fica o carrinho deles.



Já meses atrás eles viram que tudo estava a desabar, e um amigo comprou alguns caibros de madeira reforçada e escoraram um pouco, para durar mais um tempo. Alguns dias depois, a filha do Cláudio precisava ir fazer umas compras e tendo o carrinho dela, insisitiu em levar o do pai, que é melhor, embora isso nunca tivesse antes acontecido.



Pois mal ela tinha retirado o carro da garagem, eis que todo telhado desabou, e inclusive fez desabar junto o puxado da capelinha, que voltou ao original, de quando começamos ali a rezar. Não havia ninguém debairo daquele telhado, que por sinal é bem alto. Deus protege! A mãe prometeu!



 
 
 

Artigo Visto: 2096 - Impresso: 18 - Enviado: 10

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.recadosdoaarao.com.br

 

 
Visitas Únicas Hoje: 71 - Total Visitas Únicas: 3.406.878 Usuários online: 96