Sejam Bem Vindos! Que Deus vos abençoe!

Página dedicada aos que amam as almas do Purgatório.
FAMÍLIA, FUNDAMENTO DA SALVAÇÃO
Documento sem título




 
 
11/12/2007
Lindas cartas (2)
 
Cartas - Lindas cartas (2)
11/12/2007 11:31:14

Cartas - Lindas cartas (2)


LINDAS CARTAS

(Colocamos diversas de uma só vez, para não ampliar demais os títulos)



Paz Arnaldo! Arnaldo eu gostaria de lhe dizer que no final de semana de feriado, que aconteceu o cenáculo, eu fiz as orações por dois dias, pedi pelas almas e pelas famílias. Aconteceu, que uma amiga minha que é separada, e que convive com outra pessoa já ha oito anos, de se separarem, no dia 12-segunda-feira, tinha conversado e resolvido se separarem, ela já tem 3 filhos, ele nenhum, e a grande adversidade era a de ele querer se casar tudo legalzinho e querer ter filhos, ela não queria casar, não pode ter mais filhos e também não queria adotar, conforme vontade dele, ela estava num grande dilema, sofrendo, queria deixar ele para que fizesse a vida, como ela já teve a dela, com filhos e tudo, e não podia oferecer a ele, resolveram então se largarem.



Fiquei triste, mas na segunda-feira do dia 19, ela chegou no serviço, como se estivesse num encantamento, vivendo um sonho. Conta ela que na sexta-feira, foi como mágica, ou melhor, milagre, eles conversaram e os dois, era como se tivessem sido transformados, sentiram amor em plenitude, compreensão sem fim, entendimento demais, aceitação plena, tudo como se Deus tivesse chegado e colocado a mão santa e vapt! numa guinada e tudo ficou claro,, como se tivessem tirado vendas dos olhos, como se o amor tivesse renascido, ela usou o termo "colega você tem fé?"



Acredita em Milagre, Deus?", eu disse que sim, agora mais que nunca. Ela disse que Deus mostrou as coisas para ela como nunca jamais pode imaginar ver, e no domingo de manha ela foi a missa, e acredite, ela nunca tinha ido ao sacrário, e domingo dia 11 ela foi e ajoelhou e agradeceu a Deus. Se não fosse minha amiga, se não conhecesse a história dela, diria que é bobeira. Mas disse a ela que muitas orações haviam sido feita pelas almas, e com certeza alguma delas caridosa, deixou cair sobre eles as graças necessárias, de amor, compreensão e aceitação.



Que a Mãe do céu, tenha dó de seus filhos e lhes de a chance de pedir perdão, de reconhecer os erros e se arrependerem. Hoje fomos novamente ao cemitério, rezamos as orações. Que a mãe aceite nossas orações.



Meu querido irmãozinho (ou irmazinha), amigo (a) do salvai almas!

Um dia desses, meu marido foi buscar meu filho mais velho numa festinha de 15 anos, eram duas horas da madrugada...

Desci do meu quarto, fui para o meu quintal e sentei numa cadeira para observar o céu e rezar, a noite estava linda, toda estrelada. lua cheia bem clara...no escuro observava a claridade da lua e o brilho das estrelas e entregava minhas preocupações para Mamãe do céu...sabe, sempre que vejo a lua lembro de Maria: " Ela não é o Sol, porque o Sol é Jesus, mas é a lua que, mesmo não tendo luz própria, reflete a luz do Sol e ilumina nossas noites escuras!"(aprendi isto com São Luiz Maria de Montfort em seu livro a Verdadeira Devoção a Santíssima Virgem, aconselho-a a ler, pois este livro mudou minha vida!) Estava meditando nisto quando Deus falou assim no meu coração:

" - Filha o que esta fazendo aí, de madrugada, sentada nesta cadeira, chorando e olhando para o ceu?

- Estou vendo as estrelas, Senhor, contemplando a Lua, sabe que te sinto no firmamento, isto me acalma a alma em meio a tantas tribulações...

-Filha, vê este céu estrelado que tanto aprecia? Então, cada lágrima que sai do seu olho não passa desapercebida, tenha certeza é uma estrela que você coloca no seu céu! Não quer para você um céu estrelado?

-Sim, Senhor, quero muito, mas dói, está doendo, está difícil... conceda-me a graça de colocar meu coração neste céu estrelado e não nas lágrimas, não na dor...

-Filha, quando chegar grande dia verá que lindo céu preparamos para você, aí muitas pessoas poderão contemplar suas estrelas... suas lágrimas salvam almas!"

Fechei os olhos, querido irmão, e chorei mais, muito mais, porque o meu amor pelo Senhor não me deixa escolher outro caminho, não sigo a Deus pelas coisas que Ele pode me dar, embora saiba que tudo pode...mas sigo-O pelo amor que um dia me fez experimentar (como Jesus falou um dia, não o sigo por causa dos sinais que vejo, mas porque comi do seu Pão e fiquei saciada!)

Lembra daquela música famosa: "Não dá mais pra voltar o mar é Deus e o barco sou eu e o vento forte, que me leva pra frente, é o amor de Deus!"

Precisamos ser assim, querido irmão, um barquinho a vela, sem remo, em alto mar, sendo conduzido pelo amor de Deus, aliás a coragem para se cumprir uma missão não vem de você mesmo, mas vem de Deus...apresenta para ele sua covardia e deixe que Ele a transforme, pela graça, em coragem...o amor nos leva a isto, só o amor!!! Não podemos confiar em nós mesmos, irmão, aliás, o fato de reconhecer-te como covarde e com medo de cumprir uma missão já a faz bem-aventurada (bem aventurado os pobres de espírito porque deles e o reino dos céus!)...só que não pode ficar presa nesta covardia, mas prostrando-se diante de Deus, reconhecendo a verdade, verá que o Espírito Santo a colocará de pé e capaz de cumprir o que Deus te pede...aliás sua alegria estará no cumprimento desta missão, embora os obstáculos que precisam ser enfrentados...isto vencemos com muita oração e lágrimas...vi este milagre acontecer em meu marido, quando resolveu assumir a nossa empresa...muitos dias corro para o sacrário e digo: "Senhor, lembra de nós, veja prometi ao meu marido que Sua Providência não faltaria e agora, o que fazer?"

E a única resposta que Deus me dá é colocar em meu coração paz e coragem para enfrentar os problemas, não tira os problemas e obstáculos, querido irmão, só nos concede força pra enfrentá-los....Deus não facilita nada para nós e faz bem, porque nos conhece e sabe que qualquer facilidade nos leva a preguiça espiritual e Deus não pode colaborar com a preguiça, é pecado capital!

Fique em paz, Deus a abençoe e conceda a coragem que precisa para dizer seu SIM a missão que te confiou, aliás é só isto que Deus precisa, o seu SIM, o resto é tudo Providência, Misericórdia e Bondade de Deus!

Estamos no tempo do advento, lembre daquela menina judia, pobre que não colocou obstáculos ao plano de Deus e disse SIM...hoje Ela é nossa Rainha, peça ajuda a Ela, a Lua que ilumina nossas noites escuras com o brilho do SOL que é JESUS!

Amém?!?



Oi Arnaldo,

Hoje foi o me último dia da catequese e preciso partilhar com vc tudo de lindo que aconteceu...

Desde o começo do ano tenho falado para as crianças sobre as santas almas e como elas precisam de oração; falei da ponte de salvação, da comunhão dos santos e como eles podem ajudá-las, tudo conforme o primeiro livro salvai almas...as crianças sempre se interessaram muito, rezamos muitas vezes o rosário, fizemos via-sacra pelas almas, foi tudo muito lindo...

Sempre me trazem nomes de parentes e amigos que faleceram, partilham suas tribulações, pedem orações, é uma troca maravilhosa e fico muito feliz de poder fazer este pequeno trabalho nos corações dos jovens.

Jovens que não entendiam porque nossa Igreja proíbe aborto, porque não podem fazer tatuagens e colocar piercings, porque condenamos o homossexualismo... jovens completamente perdidos...Foi um ano de muito trabalho, muita conversa e até não obedeci tanto o esquema da nossa catequese porque achei mais importante bater e esclarecer bem sobre estes temas polêmicos...aos poucos fui percebendo que mudaram suas opiniões, baseada sempre na Palavra tentei mostrar a verdade a todo momento, sem medo de ser chata!

Um dia a mãe de uma menina me disse que não podia mais ouvir nem ler horóscopo porque sua filha falou que eu mostrei pela Bíblia que Deus literalmente proibiu estas práticas e que não pode...não é lindo?

Hoje, perguntei a eles o que acharam do ano e fiquei muito feliz com o que ouvi...um dos garotos, R..., me disse:

"-S...a, vc mudou minha vida... nos outros anos da catequese (fazem segundo ano de crisma, são tres anos) nunca gostei, sempre achei muito chato e no começo do ano estava certo que Deus não existe, nem ligava pra Ele, nem eu e nem minha familia...vc me despertou o amor a Deus e hoje eu sou diferente...gostei de aprender sobre as almas e quero ser amigo delas...e a mãe dele um dia desse me agradeceu por ensinar a fé ao seu filho...

Estou muito feliz, Arnaldo, Deus é muito bom para mim em permitir que eu passe um ano com jovens de apenas 13 e 14 anos e coloque em seus pequenos corações uma semente do Seu Amor...

E posso te dizer, querido irmão, que diante de todas as tribulações que estou vivendo em minha empresa, me sinto muito feliz e realizada, como se tivesse cumprido e partilhado muito bem o enorme tesouro que Deus me deu: O SEU AMOR!



Paz Arnaldo!

Acabei de ler alguns artigos, do Cláudio, li sobre a moda, mulheres de calça, palavras de Jesus, o bandido fala, sobre os pedidos ao Cláudio e outros, fiquei estarrecida, tive medo, e também tive vergonha. Tive vergonha das quantas vezes expus meu corpo escandalizei com minhas roupas decotadas e transparentes; tive vergonha do meu egoísmo em pedir orações, respostas as minhas duvidas e sofrimento quando, de forma rápida, mentalizei o tamanho do mundo e com ele o tanto de pessoas sofredoras; fiquei estarrecida diante da frieza e conhecimento do "bandido" fruto da sociedade; tive muita vergonha de saber que Jesus me fará ver tudo isso e me cobrará o mau que causei, já tenho vergonha de me dirigir a Ele e pedir graças.

Mas como disse outro dia, fiz uma confissão tão boa, me senti em estado de graça, agora não sei mais se estou tão cheia de graça, pois nem comentei isso com o padre, muitas vezes percebi que era errado, mas na minha juventude e distante da igreja, era mais uma "da moda", hoje percebo o erro, percebo o quanto sou pecadora e que além da "difícil missão que é poder ver ou ouvir a Mãe", não sou digna de tamanha graça. Mas nem por isso esmoreço, estou firme na fé, estou em busca da minha salvação e da minha família, que Jesus saiba do meu arrependimento, Ele sabe a espada que transpassa meu coração cada vez que vejo e reconheço algum pecado meu. Minha esperança esta latente e peço a Mãe, ao Filho e ao Pai a remissão dos meus pecados a plena conversão do meu coração. Rezo por minha família, e por todos vocês do Salvai Almas, como aprendi a amá-las, também me considero do movimento e por isso vou rezar e pedir como pessoa do Salvai Almas, Posso???? Minhas orações estão quase em dia, sei que é pouco, mas meu coração esta cheio de esperança de amor e dedicação. um abraço!!!!



outra



Gostaria de agradecer pelo livro que já chegou aqui em casa, pedi qualquer um dos livros e chegou o "O livro da Vida", exatamente o que eu precisava, pois sempre "fugi" do confessionário! A única confissão que fiz, foi na minha primeira comunhão, mesmo assim contrariada... sou muito tímida,desde pequena e fico com vergonha de falar com o padre, ainda mais sobre coisas que quero esquecer...depois de ler o livro contei a minha mãe e a meu irmão ..mas ainda estou criando coragem pra ir me confessar, já que vergonha maior a nossa alma passa se não tiver uma história de vida sem manchas...

Enfim, obrigada pelo livro...me ajudou a abrir os olhos.



Outra:



Hoje meu coração está em festa. Acabei de ler o primeiro livro "Salvai Almas" que uma querida irmã da equipe de Nossa Senhora me presenteou e o meu coração foi tocado profundamente. Não sei explicar, porém é um misto de alegria, excitação, medo, sinto que ele (meu coração) salta pelo meu peito como se fosse sair. Sinto que tenho uma missão muito grande. Sei que sou um grão de areia no meio de um deserto, mas gostaria que vocês pudessem me ajudar a caminhar para uma vida de santificação, oração e principalmente voltada a salvar essas almas que tanto necessitam.

Desde que comece a ler o livro, não consigo mais descuidar de minha oração. Tudo o que faço é pensando e rezando por elas (as almas). Gostaria de receber um auxílio, para que, sendo da vontade de Deus, eu também possa ser um canal da Graça do Senhor às almas necessitadas do purgatório.

Senti que apenas com essa leitura-reflexiva acerca do livro, já fora uma imensa transformação em minha vida. "Estou sedenta em buscar mais, em fazer mais, em ajudar mais". O que podemos fazer juntos?

Recebam com muito carinho esse meu desabafo e minha imensa vontade (embora muito pequena diante de tanta graça) de ajudar.

Fiquem na paz do senhor.



Paz e Bem...

Gostaria de partilhar com a equipe, que após o livro "Salvai Almas", li o "Julgamento de uma alma"...senti um misto de vazio, medo e ao mesmo tempo esperança. É como se tirasse dos meus olhos uma grande "muralha". Estou lendo agora o "Livro da Vida", ainda na primeira leitura já quis ir rapidamente ao confessionário, agora então... ainda mais...e...Recomeçar a VIVER. Acredito que essa acaba sendo umas das intenções: Fazer tudo diferente de agora em diante, inclusive para "Salvar as almas". Inicio hoje (11/12/07) a anistia. Sei que não será fácil, mas com FÉ e ORAÇÃO, "tudo pode ser mudado". Fiquem na Paz do Senhor e no Amor de Maria.



Desculpe, mas vou abusar mais um pouquinho de vcs.

Gostaria de pedir um favor, se puderem; orar pelo meu irmão.

Ele está sofrendo muito, ainda não se conformou com a perda

do filho, que morreu num acidente de carro. vai fazer um ano

dia 5 de janeiro. Sei que vcs oram pelas almas dos falecidos.

Mesmo assim gostaria, de pedir essa caridade, estou com muita

pena dele, qdo o atendi ao telefone senti o sofrimento dele e me

doeu muito.

Minha mãe tbem ficou sofrendo pela tristeza dele. Estamos com

medo que ele entre em depressão.

Nós oramos pelos meus irmãos e por nossos falecidos diariamente,

mas qdo tem mais alguém orando junto, acho que ajuda mais.

Desculpe te sobrecarregar com mais um auxílio.

Te agradeço de coração e, que Deus Pai os abençoe em dobro

por essa caridade.

Fique com Deus e na paz.

um gde abraço



Resposta a esta última carta:

M..., é comum acontecer casos assim, e duas são as forças que podem atuar...

Uma: um grande amor do pai pelo filho, com grandes expectativas sobre seu futuro..

Outra: o fato de não ter feito tudo o que se poderia pelo filho, no que atua o remorso.

Mas para o verdadeiro cristão, católico, a conformidade com a vontade de Deus deve

ser a norma básica. O desespero e a depressão não vêm de Deus, mas da falta Dele.

Ademais, Deus sabe a hora de colher a flor, e gosta também de colher flores jovens.

Diga para este pai: normalmente, em quase 100% dos jovens que estão morrendo

hoje, Deus os leva ANTES que cometam um desatino e venham perder a alma...

E aí sim, seria motivo de desespero, depressão, até loucura, e de tudo mais.

Por isso, diga que o menino está no Céu, com 100% de certeza e devem pedir a intercessão dele, até pelo pai. A tristeza deste pai, de certa forma o deixa triste também, mesmo no Céu.

que Deus vos abençoe



outro caso:



Arnaldo observa: Temos um caso de um menino muito rebelde, que sente desejo de matar a quem lhe fala de oração, de Deus e coisas assim. Temos mais casos e desta forma já apresentamos a solução.

Uma pessoa me escreveu assim: (...) Também gostaria de saber se o irmãozinho dela de 9 anos pode receber ou não, pois ele está muito rebelde e diz que não gosta de Deus, se ela perguntar se ele quer é quase certeza que dirá não, e ele precisa muito, só que ela quer saber se mesmo se ele disser que não se pode aplicar, com a autorização da mãe dela, ele xinga a mãe dele de todo nome feio que encontra , diz que vai matar a M... já pegou até faca e ameaçou, quebrar tudo dentro de casa, eles não sabem o que fazer e bater não adianta nada, nos ajude por favor, pois é uma situação bem difícil. Muito obrigada tenha um excelente dia na paz de Deus...



A resposta da Mãezinha foi esta:

Nestes casos, só a mãe da criança poderá aplicar o sinal, ainda que a criança não queira!

Para esta criança em questão, deve-se aplicar antes, as Sugestões Noturnas, ou, como diz a Santa Igreja, a Amorização! Façam isto e a criança aceitará. Amém?

Eu vos abençôo. Maria, Mãe do Universo!



AMORIZAÇÃO: Para quem não sabe o que significa esta amorização, é o seguinte:

Quando a criança estiver dormindo, profundamente, a mãe dele deve chegar bem pertinho dela e falar baixinho em seu ouvido, que o ama, que ele é um menino bom, falar palavras de doçura e de carinho, durante alguns minutos. Fazer isso umas duas ou três noites seguidas e depois disso ele aceitará. Rezar ao Espírito Santo antes de iniciar as palavras de amorização.

Muitas mães poderão usar desta técnica com suas crianças rebeldes, quando não querem saber das coisas de Deus, nem ir a Missa ou Catequese.

Chama-se: transmitir amor...







 
 
 

Artigo Visto: 2577 - Impresso: 34 - Enviado: 22

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.recadosdoaarao.com.br

 

 
Visitas Únicas Hoje: 34 - Total Visitas Únicas: 3.462.719 Usuários online: 72